Município de Reguengos de Monsaraz promove seminário sobre “Saúde e Bem-estar Animal – Novos Desafios” – 23 de novembro

Município de Reguengos de Monsaraz promove seminário sobre “Saúde e Bem-estar Animal – Novos Desafios” – 23 de novembro

[Fonte: Rádio Campanário] “Saúde e Bem-estar Animal – Novos Desafios” é o tema do seminário que o Município de Reguengos de Monsaraz vai realizar no dia 23 de novembro no auditório da biblioteca municipal em parceria com a ANI+ – Associação de Proteção dos Animais de Reguengos de Monsaraz. O programa inicia-se às 10h com a “Apresentação do projeto do futuro Centro de Recolha Oficial de Reguengos de Monsaraz (CRO)”, por Pedro Palheta, técnico da autarquia.

Pelas 10h20, Pedro Vieira, da Direção Geral de Agricultura e Veterinária, vai falar sobre “Detenção Responsável – SIAC (sistema de identificação de animais de companhia)”, e às 11h10, Cláudia Tique, do Observatório Nacional para a Defesa dos Animais e Direitos Difusos, vai abordar as “Políticas públicas de promoção de bem-estar animal, cooperação entre os intervenientes públicos e particulares”.

A fechar os trabalhos haverá a comunicação “Intervenções Assistidas por Animais – conceitos e benefícios”, por Daiana Ferreira, da Associação Kokua (Cães de Ajuda Social). O moderador do seminário “Saúde e Bem-estar Animal – Novos Desafios” será Rui Aleixo, veterinário do Município de Reguengos de Monsaraz.

Comente este artigo
Anterior Gestão agrícola, biodiversidade e serviços de ecossistemas - 22 de novembro - Évora
Próximo Governo quer avançar com a descentralização de três Secretarias de Estado. Bragança, Castelo Branco e Guarda são as cidades escolhidas

Artigos relacionados

Últimas

Oferta de emprego – Engenheiro Agrónomo ou Florestal – Setúbal

A Terra Fértil pretende recrutar licenciado em Agrícola ou Florestal. A Terra Fértil – Gestão e Valorização de Resíduos, SA. é líder de mercado na da gestão de […]

Internacional

Mais de 1,3 milhões de pessoas no sudoeste de Angola sofrem de fome extrema – ONU

Mais de 1,3 milhões de pessoas no sudoeste de Angola sofrem de “fome extrema” devido à pior seca dos últimos 40 anos, que deixou campos áridos, pastagens […]

Nacional

Uma escola virada para a agricultura

Para perceber a origem da Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Rodo é preciso recuar mais de 50 anos. Hoje em dia, e com o mundo em constante mudança, […]