Movimento de cidadãos defende coleção de fruteiras de Tavira

Movimento de cidadãos defende coleção de fruteiras de Tavira

A coleção de fruteiras tradicionais da Direção Regional de Agricultura do Algarve, considerada única no país, pode estar em risco.

Um grupo de cidadãos vai criar um movimento em defesa do Centro de Experimentação Agrária de Tavira, para travar o seu atravessamento por uma estrada pela empresa pública Infraestruturas de Portugal, e garante que vai utilizar “todos os meios legais ao seu alcance”.

Leia mais em Sul Informação

O artigo foi publicado originalmente em Jornal de Notícias.

Comente este artigo
Anterior Mais de 30 animais mortos em 15 dias por matilha de cães vadios em Viana do Castelo
Próximo Oferta de emprego - Técnico de Viticultura - Vila Nova de Foz Côa

Artigos relacionados

Dossiers

Oferta de emprego – Analista de Sistemas de Informação Geográfica – Engenheiro Florestal

A GET Safety é uma empresa de consultoria estratégica especializada na área de Proteção Civil, com sede em Lisboa, e encontra-se a recrutar […]

Últimas

Governo lança programa “Queima segura” que obriga ao acompanhamento das queimas


O secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural anunciou que vai ser lançado no dia 1 de Março, […]

Sugeridas

Novas culturas estão a mudar a face da agricultura no Algarve

A radiografia da agricultura no Algarve está feita: muitos produtores estão a investir em novas culturas como o abacate e a manga e a aumentar a sua área de produção. […]