Ministra da Agricultura quer que Portugal se mantenha no TOP 10 dos exportadores mundiais de vinho

Ministra da Agricultura quer que Portugal se mantenha no TOP 10 dos exportadores mundiais de vinho

A Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, destacou hoje, durante o Fórum Anual Vinhos de Portugal, nas Caldas da Rainha, que o setor do vinho sempre acompanhou a evolução e que hoje é um importante embaixador de Portugal: “não estagnou e procurou sempre estar na linha da frente na resposta aos mais diversos desafios que temos vindo a enfrentar. Testou, adaptou, criou e cresceu – uma receita bem conseguida que, certamente, será para manter”.

A governante com a pasta da Agricultura salientou a proatividade do setor vitivinícola, o seu caráter inovador e o sucesso alcançado. Para a Ministra é hoje possível “reconhecer a relevância da promoção no reforço e na manutenção da notoriedade em mercados externos e, consequentemente, como forma de gerar valor para os nossos vinhos”, adiantando que “Portugal incluiu o apoio à promoção em países terceiros no PNA – Programa Nacional de Apoio ao Setor Vitivinícola. E no que respeita ao próximo ano, já estão a decorrer dois concursos no âmbito da Promoção: um Concurso de apoio à Promoção em Países Terceiros; e um Concurso de apoio à Promoção no Mercado Interno (Portugal e UE)”.

Maria do Céu Albuquerque realçou os números alcançados e afirmou que quer dar continuidade ao percurso feito até aqui, destacando “a importância dos vinhos com Denominações de Origem (DO) e Indicações Geográficas”. O membro do governo referiu ainda que este “setor tem sabido corresponder à procura e afirmar-se num mercado global que, a par das oportunidades, acarreta também muitos desafios. Portugal encontra-se no “top 10” dos exportadores mundiais”.

“O sucesso do setor também é visível pela execução do Programa Nacional de Apoio ao setor vitivinícola”, conclui a Ministra da Agricultura, referindo-se às taxas de execução anual de cerca de 100% da dotação total atribuída a Portugal.

Comente este artigo
Anterior Rede Elétrica Nacional plantou mais de um milhão de árvores entre 2010 e 2018
Próximo 2ª sessão divulg. AGIR- Avaliação Uso Eficiente da Água e Energia em Aproveitamentos Hidroagrícolas

Artigos relacionados

Notícias PAC pós 2020

El MAPA recuerda que se mantienen los plazos de solicitud de la PAC 2020


En una Orden publicada en el BOE del 28 de mayo, el Ministerio de Agricultura recuerda que se mantiene el plazo de solicitud de las ayudas de la PAC de este año hasta el 15 de junio y también los cambios de otras fechas de gestión de los pagos, […]

Últimas

Acordo UE-Mercosul abre mercados a exportações agrícolas portuguesas

O acordo de livre comércio UE-Mercosul é «globalmente positivo» para a agricultura e abre mercados a uma maior exportação portuguesa de vinhos, […]

Nacional

CNA diz que terras sem dono conhecido “são bode expiatório”

A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) emitiu esta segunda-feira (17 de junho) um comunicado em que defende que os “Governos têm participado ativamente na criação do ‘bode expiatório’ […]