Maria do Céu Antunes participou no início simbólico da campanha da azeitona 20/21

Maria do Céu Antunes participou no início simbólico da campanha da azeitona 20/21

A Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, participou hoje, dia 03 de novembro, no início simbólico da campanha da azeitona 2020 – 2021, com uma visita à Herdade da Figueirinha e ao Lagar do Marmelo, em Beja e Ferreira do Alentejo, respetivamente.

Nesta visita aos dois olivais e aos lagares de azeite, a titular da pasta da Agricultura destacou a importância da produção de azeite, sublinhando que, só no ano passado, a produção atingiu um máximo histórico de mais de 140 mil toneladas. Ao nível das exportações, também estão a ser atingidos valores históricos, prevendo-se este ano ultrapassar os 600 milhões de euros.

“O azeite português é um produto de elevadíssima qualidade e, prova disso são os inúmeros prémios internacionais atribuídos aos azeites virgem extra portugueses. É neste caminho de excelência e de inovação que queremos prosseguir, com políticas públicas que apoiem a produção nacional, a sustentabilidade ambiental e a investigação ao serviço do setor agroalimentar. Queremos, por isso, reforçar a investigação para ter uma produção ainda mais sustentável, que promova a utilização mais eficiente possível de recursos finitos, como a água e os solos, ao mesmo tempo preservando a biodiversidade e os ecossistemas”.

Maria do Céu Antunes destacou a importância do regadio eficiente, nomeadamente das infraestruturas coletivas, como uma ferramenta fundamental para o combate às alterações climáticas, aumentar a resiliência e a competitividade dos territórios e deu o exemplo do Alqueva, que tem provado ser uma ferramenta determinante e estruturante para a região e para o país.

Comente este artigo
Anterior Temporal poderá trazer tornados - Portugal continental ( 04-08/Nov )
Próximo Portugal perde cinco mil hectares de montado todos os anos

Artigos relacionados

Últimas

Grupo Parras contornou a crise pandémica e fechou 2020 com lucros nos vinhos

O Grupo Parras, produtor de vinho sediado no Cadaval, fechou 2020 a faturar mais dois milhões de euros e a exportar mais face a 2019, anunciou hoje o seu administrador, […]

Nacional

AHSA fala em perdas de milhões de euros com medidas decretadas para o concelho de Odemira

Leia o comunicado enviado pela Associação dos Horticultores, Fruticultores e Floricultores dos Concelhos de Odemira e Aljezur: […]

Últimas

El porcino de capa blanca suma dos meses con recortes

Nuevo descenso en la cotización del porcino de capa blanca y con esta bajada el precio encadena dos meses en los que ha perdido más de 28 céntimos, […]