Mais um passo no desenvolvimento da economia “verde” e do setor agroalimentar de Idanha

Mais um passo no desenvolvimento da economia “verde” e do setor agroalimentar de Idanha

O Observatório de Produtores de Idanha-a-Nova realizou-se no passado dia 13 de setembro, sexta-feira, com o objetivo de fortalecer relações entre os produtores de Idanha-a-Nova e a comunidade académica e empresarial.

A iniciativa decorreu na Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova e foi organizada no âmbito da colaboração da aceleradora de empresas BGI com o EIT Food – líder europeu em inovação alimentar – e a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

No balanço da iniciativa enviado às redações a autarquia explica que o produtores de Idanha-a-Nova foram convidados a fazer uma apresentação da sua empresa e de alguns desafios que atravessam no seu negócio para uma plateia de investigadores, investidores e empresas. A finalidade deste exercício foi a partilha de contributos para a solução de constrangimentos.

Com foco na agroecologia, na produção em modo biológico, na economia circular e nos circuitos curtos de comercialização, esta ação representou mais um passo no desenvolvimento da economia “verde” e do setor agroalimentar no concelho de Idanha-a-Nova.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Como chegou a vespa asiática a Portugal? O que fazer se for picado? Conheça as respostas aqui
Próximo Aberto o concurso concetual para criação selo alusivo à redução do desperdício alimentar

Artigos relacionados

Regras e legislação

Relatório do TCE: sistema de seguros agricolas na UE

O Tribunal de Contas Europeu auditou e fez relatório sobre os instrumentos da UE para ajudar os agricultores a […]

Eventos

ADIADO – XIV Congresso Mundial do Tomate de Indústria na Argentina – 8 a 12 de novembro

O XIV Congresso Mundial do Tomate de Indústria decorre de 15 a 19 de Março em San Juan, na Argentina. Em paralelo, […]

Nacional

Tribunal dá luz verde a mais 15 helicópteros nos fogos por “defesa da vida”

Concurso de aluguer de 15 helicópteros para combate a incêndios foi impugnado pela empresa Babcock

Está quase completa a frota de meios aéreos previstos para o combate a incêndios florestais neste Verão. […]