KUHN – de 1828 a 2018: 190 Anos de Excelência.

KUHN – de 1828 a 2018: 190 Anos de Excelência.

[Fonte: Auto-Industrial]

Fundada em 1828 na Alsácia, no coração da Europa, a marca Kuhn tem-se tornado progressivamente uma referência no sector das máquinas agrícolas, resultado do seu contributo ativo e sustentável para a modernização dos negócios agrícolas em todos os continentes.

Muitas das maiores inovações foram desenvolvidas pelo Grupo Kuhn. Soluções exclusivas foram lançadas em todas as áreas; iniciativas cada vez mais inovadoras, no sentido de maximizar o ROI em actividades como a silagem, pecuária, trabalho do solo, protecção de culturas e manutenção da paisagem. A empresa registou mais de 2000 patentes internacionais ao longo dos anos.

Grupo Kuhn usa a sua vasta experiência para conseguir dar resposta aos desafios futuros. O mundo da agricultura e os requisitos dos produtores estão em rápida mudança, o tamanho das áreas de cultivo está a aumentar, os mercados estão a globalizar-se, a exigência dos consumidores é cada vez maior e os avanços tecnológicos são múltiplos (digitalização, conectividade, gestão inteligente de dados).

Hoje, mais do que nunca, nós acreditamos no futuro da agricultura e da nossa industria. Os nossos 190 anos de experiência e o compromisso dos nossos recursos humanos, combinado com a performance das nossas redes de distribuição, que asseguram a proximidade com os nossos clientes, permitem que olhemos para o futuro com paixão e confiança”, explica Thierry Krier, CEO do Grupo. “Estamos obviamente orgulhosos pela nossa longevidade, mas acima de tudo, há que realçar que sem a lealdade dos nossos clientes por todo o mundo, esta nunca seria possível.”

Grupo Kuhn está hoje presente em cerca de 100 países, com cerca de 5000 funcionários distribuidos por 11 polos de produção e 11 de distribuição, por todo o mundo. As receitas da empresa aumentaram 13,2%, tendo atingido os 966 milhões de euros.

Comente este artigo
Anterior CAP quer plano de emergência nacional para seca
Próximo Centenas de jovens agricultores queixam-se de falta de apoio e investimento do Governo

Artigos relacionados

Sugeridas

Há cinco anos que a agricultura cresce mais que o resto da economia

[Expresso] Entre 2011 e 2015 o sector da agricultura, cresceu 2,4%, contra -0,9 no conjunto da economia. A produtividade aumentou 12% (0,3% na economia no seu todo). Ficou mal na fotografia no domínio do emprego, variável que caiu 8,3%, contra 1% no conjunto da atividade económica. […]

Sugeridas

Pagamentos Maio 2017

[Fonte: IFAP]

No dia 31 de maio 2017, conforme procedimento habitual, o IFAP irá proceder a pagamentos* num montante total de cerca de 33,1 milhões de euros, destacando-se os seguintes:
FEAGA

POSEI Abastecimento – 1,4  milhões de euros
Novo Regime da Vinha – […]

Nacional

Incêndio quase dominado em Barcelos

[Fonte: Rádio Renascença]

O incêndio que lavra nos lugares de Tamel e Vilar do Monte, no concelho de Barcelos, está 80% dominado, avança a Proteção Civil à Renascença. Há apenas uma frente ativa.
No combate às chamas estão 115 bombeiros, apoiados por 36 viaturas. […]