Já existe um robot capaz de colher 25 mil framboesas por dia

Já existe um robot capaz de colher 25 mil framboesas por dia

A Fieldwork Robotics, empresa da Universidade de Plymouth, e a Hall Hunter juntaram-se para criar um robot que consegue colher mais de 25 mil framboesas por dia, uma média superior às 10 mil que um trabalhador humano consegue colher em oito horas de trabalho diário. A inovação está a ser testada no Reino Unido por um dos principais produtores de pequenos frutos da região.

O britânico The Guardian revela que a máquina, com 1,80 metros de altura e um braço robótico, é guiado por sensores e câmaras que conseguem medir a framboesa e calcular se é, ou não, a altura cera de colher o fruto. Depois, com uma pequena pinça, faz a colheita e deposita os frutos num tabuleiro lateral onde são classificados de acordo com o nível de maturação.

A empresa responsável pela tecnologia diz que, para já, o robot demora cerca de um minuto para colher cada fruto, mas a versão que será lançada no mercado em breve contará com quatro pinças, todas capazes de fazer a colheita em simultâneo durante 20 minutos.

Saiba como funciona no vídeo publicado pelo The Guardian.

O artigo foi publicado originalmente em Vida Rural.

Comente este artigo
Anterior GNR detém homem suspeito de crime de fogo florestal em Castelo Branco
Próximo Gazeta Rural – N.º 340 – 31 de Maio de 2019

Artigos relacionados

Últimas

Novo sistema de videovigilância aumenta «capacidade de apoio à decisão» no combate aos incêndios

[Fonte: Governo] O Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, afirmou que é fundamental apostar em instrumentos de videovigilância para «aumentar a capacidade de apoio à decisão» e o combate aos incêndios rurais.  […]

Últimas

Segunda edição dos webmeetings AICEP Rede Online – 8 de fevereiro a 12 de março

De 8 de Fevereiro a 12 de Março, o serviço de webmeetings AICEP Rede Online volta a estar disponível, diariamente. Este serviço gratuito da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) «permite a realização de […]

Nacional

A reta final é agora. Começou a contagem decrescente para a vindima

O calor estival é precioso para as uvas porque provoca a diminuição da acidez nos bagos e faz aumentar os teores de açúcar. Mas há lugares onde as vindimas já começaram […]