InovMilho: O Milho ao longo das  diversas fases do seu desenvolvimento – 5 de junho e 4 de setembro – Coruche

InovMilho: O Milho ao longo das diversas fases do seu desenvolvimento – 5 de junho e 4 de setembro – Coruche

[Fonte: Anpromis] O Centro Nacional de Competências das Culturas do Milho e Sorgo “InovMilho” vai acolher nos próximos dias 05 de Junho e 03 de Setembro, em Coruche, duas acções de demonstração, eminentemente práticas, ministradas pelo consultor agrícola e perito para a cultura do milho, Eng.º Albert Porte Laborde.

Estas acções serão compostas por uma parte teórica, ministrada em sala, e por uma prática que passa pela visita a diversos ensaios de milho, em que se analisará in loco o desenvolvimento da cultura e os principais constrangimentos detectados, em duas fases criticas do seu desenvolvimento.

As acções são limitadas a 35 participantes, aceitando-se as inscrições por ordem de chegada.

A data limite de inscrição é o próximo dia 16 de maio, devendo os interessados proceder ao preenchimento da presente Ficha de Inscrição.

As formações serão ministradas em castelhano.

—————

Programa das acções:

09h30 – Inicio da acção de formação (em sala p/projecção de slides)

13h00 – Almoço volante

14h00 – Visita a diversos ensaios de milho

17h30 – Fim da acção de formação

Inovmilho
Comente este artigo
Anterior Continente aliado de plástico que se degrada em três meses
Próximo Colza: a aprender no terreno

Artigos relacionados

Eventos

Smart Rural Congress discute importância do empreendedorismo e inovação rural – Dias 11 e 12 de outubro – Penela

 

Dias 11 e 12 de outubro

Iniciativa conta com as intervenções da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, […]

Cotações ES

Precios altos en las últimas frutas de hueso


Los precios de las frutas en la Lonja del Ebro repitieron una semana más. Las peras se mantienen entre 45 céntimos de la Limonera y 75 céntimos de euro por kilo de las Conferencia y Ercolini. […]

Notícias apoios

Governo corta apoio financeiro a centrais de biomassa para produzir eletricidade

Galamba garante que “não é um passo atrás na estratégia da biomassa”.
O governo vai inverter o sentido de marcha no que diz respeito à estratégia para a biomassa em Portugal. […]