Inovação tecnológica na agricultura chama Projetos Europeus a Portugal

Inovação tecnológica na agricultura chama Projetos Europeus a Portugal

Tem início amanhã, em Oeiras, a Agri Innovation Summit’2017, uma iniciativa organizada em parceria pelo Governo português e pela Comissão Europeia. São dois dias de trabalho em rede para discutir temas como:

  • Agricultura 4.0 e Desenvolvimento Rural;
  • Inovação – moldando o Futuro;
  • Digitização das Economias Rurais;
  • Gestão de Produtos Agrícolas, Alimentos e Floresta & Valorização do Território;
  • Utilização de Recursos – adaptação e mitigação das alterações climáticas.

Dezenas de Grupos Operacionais, parcerias envolvendo o meio académico e os agricultores, vão apresentar projetos inovadores, pensados para resolver problemas ou aproveitar novas oportunidades, com base em novas tecnologias, em inovação e conhecimento que resultam da investigação aplicada à agricultura. Os mais de 500 participantes, de toda a União Europeia, incluem agricultores, empresários do setor e investigadores que terão oportunidade de apresentar os respetivos projetos e de trocar informação, fortalecendo a rede europeia de inovação no domínio agrícola. Em análise e debate estará também o conceito de digitização aplicado à agricultura, tendo como objetivo aumentar a sustentabilidade desta atividade no futuro próximo.

Esta “Cimeira da Inovação na Agricultura” contará com a participação do Comissário Europeu para a Agricultura e Desenvolvimento Rural, Phil Hogan, e do Comissário Europeu para a Ciência, Investigação e Inovação, Carlos Moedas, em representação da Comissão Europeia. Luís Capoulas Santos, Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, abrirá a Sessão Plenária de dia 12, ficando o encerramento a cargo da Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, em representação do Primeiro-Ministro.

Para o Ministro da Agricultura, “apoiar a investigação e a inovação, garantindo que os seus resultados são efetivamente aproveitados do ponto de vista prático e do ponto de vista económico é uma prioridade e Portugal tem sido reconhecido como um exemplo nesta matéria”. Capoulas Santos salienta que “foi precisamente por isso que fomos escolhidos como primeiro país anfitrião da Agri Innovation Summit’2017, uma iniciativa anual que trará a Portugal a maior rede de parcerias europeias dedicadas à investigação e à inovação tecnológica na agricultura”. O Ministro lembra que tem vindo a implementar “em conjunto com outros Membros do Governo, uma estratégia que tem como eixo central o aproveitamento de sinergias entre estruturas, apoiando projetos multidisciplinares”.

À margem desta iniciativa, 10 startups estarão igualmente presentes para mostrar as respetivas soluções na área de negócio da Agricultura. As 3 mais votadas pelos participantes receberão o prémio “Agri-Innovation Summit Startup’2017”.

→Consulte o programa Programa Oficial←

 

Comente este artigo
Anterior 8º Congresso Florestal Nacional centra-se mas “raízes de futuro”
Próximo Animais apresentados para o leilão 35/2017

Artigos relacionados

Comunicados

Prorrogação de prazo para apresentação de candidaturas ao pedido único 2018

[Fonte: IFAP]
Devido à elevada afluência de candidaturas ao Pedido Único 2018 nos últimos dias, o prazo para submissão de candidatura sem penalização, no Continente e Madeira, foi prorrogado para 6 de maio.
Para além desta data, […]

Nacional

Seguros de colheitas subsidiados pelo Ministério da Agricultura cobrem risco do escaldão

[Fonte: Agricultura e Mar]
Os autarcas da região Oeste pediram uma reunião urgente ao Ministro da Agricultura, para o sensibilizar para os prejuízos que a vaga de calor do início do mês de Agosto trouxe à agricultura da região, segundo notícias publicadas em vários órgãos de comunicação social. […]

Sugeridas

IACA e DGAV Promovem Formação e Informação para os Operadores do Setor da Alimentação Animal

A IACA e a DGAV, através da sua Divisão de Alimentação Animal da Direção de Serviços de Nutrição e Alimentação, vão promover a realização de Cursos sobre legislação aplicável ao setor dos alimentos para animais, por forma a disseminar a nível nacional a informação relevante veiculada através dos cursos que são efetuados ao abrigo do programa “Better Training for Safer Food” (BTSF) da Comissão Europeia. […]