Incêndios: UE cede 57 milhões para prevenção e intervenção

Incêndios: UE cede 57 milhões para prevenção e intervenção

O programa europeu POSEUR vai conceder 57 milhões de euros para Portugal investir nas áreas de intervenção, prevenção e gestão de riscos contra incêndios.

Os municípios e as associações humanitárias de bombeiros vão beneficiar um total de 57,2 milhões de euros para a prevenção e gestão de riscos contra incêndios florestais, no âmbito do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR).

De acordo com a informação divulgada esta quinta-feira, o POSEUR aprovou até 31 de julho deste ano 206 candidaturas aos concursos lançados na área de intervenção, prevenção e gestão de riscos contra incêndios florestais que vão usufruir de um apoio total de 57,2 milhões de euros. As candidaturas aprovadas destinam-se às regiões do Continente para “financiar a ampliação e remodelação de infraestruturas operacionais — quartéis e Comandos Distritais de Operações de Socorro –, a aquisição de veículos operacionais, a construção de redes de defesa da floresta contra incêndios, nomeadamente instalação de troços de rede primária e secundária e a criação de acessos a pontos de água, bem como a instalação de sistemas de videovigilância para deteção de incêndios florestais”.

Os 57,2 milhões de euros de financiamento disponível para as 206 candidaturas aprovadas provêm do Fundo de Coesão, e é operacionalizado pelo POSEUR, beneficiando os municípios e as associações humanitárias de bombeiros, assim como a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

“Os investimentos cofinanciados pelo POSEUR, no período 2014-2020, nesta área de intervenção, quer para o Continente, quer para a Região Autónoma da Madeira, têm o objetivo de reforço da gestão face aos riscos numa perspetiva de resiliência, capacitando as instituições envolvidas, diminuindo as vulnerabilidades territoriais e aumentando as capacidades operacionais em termos de prevenção e gestão de riscos”, informou a programa, em comunicado.

Criado em dezembro de 2014, o POSEUR é um dos 16 programas que visam a operacionalização do Portugal 2020 – o quadro comunitário para 2014-2020 financiado por cinco fundos europeus estruturais e de investimento – FEDER, Fundo de Coesão, FSE, FEADER e FEAMP – no qual se definem os princípios de programação que consagram a política de desenvolvimento económico, social e territorial para promover, em Portugal. No âmbito do programa Portugal 2020, Portugal vai receber 25 mil milhões de euros até 2020, financiamento que permite definir os objetivos temáticos para estimular o crescimento e a criação de emprego.

Comente este artigo
Anterior Eng. Agronomo
Próximo TOP 12 apurado nos Ateliers de Inovação

Artigos relacionados

LIVE

Live-stream: Ciclo de conferências FORA DA CASCA: “Oportunidades para os frutos secos” – parte 1

A Revista Vida Rural está a organizar o ciclo de conferências online “FORA DA CASCA” com o objetivo de continuar a partilhar ideias e práticas que […]

Últimas

Covid-19: Aprovadas 504 operações com 88 ME de financiamento em créditos para setor primário

A ministra da Agricultura avançou hoje que, até 21 de maio, no âmbito da linha de apoio à economia covid-19, foram aprovadas 504 operações do […]

Últimas

Seca: Produção de algumas espécies de plantas pode estar em causa

“A seca afeta fundamentalmente as culturas em regime de sequeiro. No entanto, as culturas de regadio não saem incólumes deste acidente climático”, […]