Importações mundiais de azeitona de mesa caem 13,7% desde o início da pandemia

Importações mundiais de azeitona de mesa caem 13,7% desde o início da pandemia

As importações de azeitona de mesa nos principais mercados importadores caíram 5% na campanha 2019/20, para 424.712 toneladas. Mas, desde o início da pandemia de Covid-19 e até Agosto desceram 13,7% (213.565 toneladas) face ao mesmo período do ano anterior, segundo os últimos dados do Conselho Oleícola Internacional (COI).

Os principais mercados importadores registaram quedas significativas nas importações de azeitona de mesa no período de Março a Agosto de 2020, com excepção do Brasil, cujas importações cresceram 1,4%. A maior queda foi registada pelos Estados Unidos, caindo 30,3% relativamente ao mesmo período de 2019, avança o Conselho Oleícola Internacional.

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Sovena e Universidade de Córdoba avançam com método pioneiro de classificação de azeite
Próximo Prata, ouro, cobre, soja e milho brilham em ano turbulento para as matérias-primas

Artigos relacionados

Blogs

Música para vacas

Uma foto ontem partilhada pelo João Villalobos sobre bananas? criadas ao som de música clássica fez-me recordar uma notícia de 2001, que […]

Notícias técnicas

IN VINO VERITAS: As características das vinhas influenciam o potencial das aves como aliadas no controlo de pragas

Estudo da Universidade de Évora (UÉ) demonstra que as características das vinhas influenciam o potencial das aves como aliadas no controlo de pragas. Essencial para “facilitar uma […]

Nacional

GNR forma 150 novos guardas florestais

Entre as principais funções está a investigação das causas dos incêndios florestais. […]