III fórum Pioneer debate a agricultura competitiva e sustentável – 20 novembro – Santarém

III fórum Pioneer debate a agricultura competitiva e sustentável – 20 novembro – Santarém

A sustentabilidade da atividade agrícola vai estar em debate no III Fórum Pioneer Indoor, que decorre no próximo dia 20 de novembro pelas 10h, no CNEMA em Santarém, onde vão estar presentes alguns dos principais players do sector.

Nesse âmbito, a Pioneer, a marca de sementes da Corteva Agriscience, tem o prazer de convidar a estar presente no evento e acompanhar os principais painéis deste encontro (programa completo em anexo).

O período da manhã irá incidir sobre os temas: “A sustentabilidade da atividade agrícola” e os “Mercados agrícolas e Conjuntura atual” enquanto que o programa da tarde contará com demonstrações de novos produtos e serviços e ainda um magusto.

O Fórum Pioneer irá realizar-se no Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas S.A. (habitual espaço da Feira Nacional de Agricultura), em Santarém, com início às 10:00 horas e requer confirmação.

Caso queira participar no evento, agradecemos, por favor, o envio da confirmação para: [email protected] ou [email protected].

— III FORUM PIONER

— 20 DE NOVEMBRO, 10H, CNEMA

— CENTRO NACIONAL DE EXPOSIÇÕES E MERCADOS AGRÍCOLAS S.A.)

QUINTA DAS CEGONHAS, SANTARÉM

Comente este artigo
Anterior Organização Mundial dos Citrinos dá os primeiros passos
Próximo Cotações – Suínos – Informação Semanal – 11 a 17 Novembro 2019

Artigos relacionados

Últimas

Projeto i9Rural apresentam os seus resultados

O projeto i9Rural – Assistência Técnica e Transferência de Inovação para a Floresta e Agricultura, promovido pela Forestis – Associação Florestal de Portugal, […]

Últimas

XXX Feira de Enchidos, Queijo e Mel de Vila de Rei tens inscrições para expositores abertas até 24 de Maio

Facebook
Twitter
Google+
Pinterest
WhatsApp


Informação à Imprensa
XXX Feira de Enchidos, Queijo e Mel de Vila de Rei tens inscrições para expositores abertas até […]

Últimas

Portugal poderá ser a maior referência mundial na olivicultura moderna e o 3.º produtor mundial numa década

Mais de 360 mil hectares de olival a nível nacional resultaram num volume de negócios superior a 600 milhões de euros no triénio. […]