Governo quer uma reforma da PAC mais sustentável para o ambiente e economia

Governo quer uma reforma da PAC mais sustentável para o ambiente e economia

Dar resposta às alterações climáticas e criar práticas sustentáveis são alguns dos desafios para a reforma da Política Agrícola Comum, apontados pela ministra da Agricultura.

Maria do Céu Antunes quer práticas de cultura mais eficientes, na valorização da biodiversidade e recursos naturais, mas sem perda de rendimento.

Está marcada para esta segunda-feira à tarde uma reunião do conselho de acompanhamento da revisão da PAC.

Reunião em que vai ser debatida a elaboração do plano estratégico da Política Agrícola Comum, a ser aplicado no período 2023-2027.

O artigo foi publicado originalmente em RTP.

Comente este artigo
Anterior Mau tempo: PCP reclama apoios para agricultores afetados por queda de granizo no Fundão
Próximo Live: Catálogo Oficial de Raças Autóctones Portuguesas

Artigos relacionados

Nacional

Governo dos Açores e Federação Agrícola não abdicam de reforço de ajudas de Bruxelas

O Governo Regional e a Federação Agrícola dos Açores não abdicam da inclusão, no programa específico para as regiões ultraperiféricas (POSEI), de um aumento para a região na “mesma […]

Dossiers

Suspeito de atear fogos com engenhos eletrónicos na região Centro fica em prisão preventiva

O homem de 38 anos que tinha sido detido na segunda-feira pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeita de atear pelo menos 16 incêndios, no distrito de Castelo Branco, ficou em prisão […]

Últimas

CEF apresenta estudo recente sobre o crescimento do sobreiro

A sobrevivência e o crescimento diferem significativamente entre e dentro das populações de sobreiro? […]