Governo dos Açores prevê pagamento de apoios a agricultores ainda este mês

Governo dos Açores prevê pagamento de apoios a agricultores ainda este mês

A lavoura dos Açores vai receber ainda “dentro do mês de janeiro” os 45 euros por vaca leiteira para compensar as descidas do preço do leite, anunciou hoje o secretário regional da Agricultura e Desenvolvimento Rural, António Ventura.

“O que nós prevemos é que ainda dentro do mês de janeiro sejam pagos aos mais de dois mil agricultores da região que se candidataram os 45 euros por vaca leiteira, de modo a criar liquidez nas explorações agrícolas e fazer face às consequências que também os agricultores têm de quebra de rendimento, devido à redução de consumo relativamente à alimentação humana”, declarou o governante.

O titular da pasta da Agricultura, que se reuniu hoje com o presidente da Federação Agrícola dos Açores (FAA), Jorge Rita, na Ribeira Grande, para uma análise conjunta de dossiês pendentes entre as duas partes, anunciou um protocolo a assinar entre o executivo açoriano, a Universidade dos Açores e lavoura que visa a análise de solos, “visando obter um solo produtivo e sustentável”.

António Ventura explicou que os agricultores vão poder entregar as análises de solo nas respetivas associações agrícolas, que “irão fazer o acompanhamento técnico e a vulgarização rural das análises de modo a que se tenha bons resultados nas adubações, nas pastagens”.

De acordo com o governante, pretende-se que o solo seja um “elemento que se incorpore na imagem e na marca dos produtos açorianos que se vendem”, tais como o leite e derivados, a carne, e os produtos hortícolas e frutícolas.

O secretário regional referiu que, no âmbito da transição entre quadros comunitários de apoio da União Europeia, o Governo Regional possui uma verba de 56 milhões de euros – e espera que “seja um pouco mais, estando dependente também do Governo da República – que vai ser investido na modernização e investimento das explorações agrícolas “desde logo muito vocacionadas para os jovens agricultores”.

No quadro do Plano de Recuperação e Resiliência, o setor agrícola vai beneficiar de 30 milhões de euros “para que se relance a economia dos Açores através da agricultura”.

O presidente da FAA, Jorge Rita, manifestou-se satisfeito com o pagamento dos 45 euros por vaca aleitante, considerando ser esta uma medida “extremamente importante para capitalizar o setor neste momento”, bem como o envelope de 30 milhões ao abrigo do Plano de Recuperação e Resiliência para a agricultura – que “espera que seja o suporte para ajudar a alavancar os outros setores da economia da região” – e a verba de 56 milhões de euros.

Comente este artigo
Anterior CIM's Viseu Dão Lafões e Região de Coimbra avançam com a implementação do Sistema de Videovigilância Florestal
Próximo Grupo Garland agencia descarga recorde de milho no Porto de Lisboa

Artigos relacionados

Nacional

Apenas três municípios se candidataram ao financiamento para limpeza da floresta

Só três municípios — Sardoal, Baião e Viana do Castelo — apresentaram até ao momento candidaturas à linha de crédito deste ano para limpeza da floresta, […]

Últimas

Agricultura de precisão: Os impactos que têm tido as chamadas “alterações climáticas”

Vários produtores e profissionais do setor vitivinícola nacional explicaram quais os impactos que têm tido com as chamadas ‘alterações climáticas’ e o que estão a fazer para mitigar os seus efeitos. […]

Últimas

Pimel: agricultura e pecuária debatidas em Alcácer do Sal

A “Agricultura de Conservação – Sustentabilidade dos Sistemas Agropecuários” é o tema do colóquio que se realiza sexta-feira (21 de Junho), […]