Governo dos Açores prevê investir 962,2 ME em 2022

Governo dos Açores prevê investir 962,2 ME em 2022

O Governo dos Açores prevê investir na região, em 2022, cerca de 962,2 ME, o maior valor de sempre no arquipélago, de acordo com a anteproposta de plano de investimentos.

Governo dos Açores prevê investir na região, em 2022, cerca de 962,2 milhões de euros, o maior valor de sempre no arquipélago, de acordo com a anteproposta de plano de investimentos a que a Lusa teve acesso.

De acordo com o “Plano Regional Anual 2022 — Anteproposta”, aprovado em Conselho de Governo a 30 de setembro e entregue aos parceiros sociais, prevê-se, em 2022, um aumento de 18 milhões de euros de investimento público, em comparação com 2021, com base nas contas feitas pela Lusa a partir dos dois documentos.

O executivo de coligação PSD/CDS-PP/PPM, liderado pelo social-democrata José Manuel Bolieiro, prepara-se agora para discutir o documento com o Conselho Económico e Social dos Açores.

Um comunicado do Governo divulgado na quinta-feira refere que o executivo aprovou “a anteproposta do Plano Regional Anual para 2022 e do Orçamento Regional Anual para 2022”, sem acrescentar detalhes.

No documento a que a Lusa teve acesso, na divisão de valores por ilhas, não há registo de grandes diferenças na comparação dos números inscritos no Plano de 2021 e na anteproposta de Plano para 2022.

Na desagregação de verbas por departamentos do Governo, notam-se oscilações de um ano para o outro.

A Secretaria Regional da Saúde e do Desporto, que para 2021 tinha tido um aumento significativo de verbas para fazer face à pandemia da covid-19, vai sofrer um corte de quase 10 milhões de euros em 2022 (passa de 61 milhões de euros para 51,7).

Também a Secretaria Regional dos Transportes, Turismo e Energia vai contar com menos 20 milhões de euros de investimento no próximo ano (324 milhões de euros em 2021 e 303 milhões em 2022).

O mesmo acontece com a Secretaria Regional da Agricultura e Desenvolvimento Regional, que perde 12 milhões de euros nesta transição de planos (passa de 120,8 milhões de euros para 108,6)

Por fim, também a Secretaria Regional da Juventude, Qualificação Profissional e Emprego vai perder no próximo ano, oito milhões de euros em comparação com este ano (114,3 milhões de euros em 2021 e 106,6 milhões em 2022).

Em contrapartida, na anteproposta de Plano há dois departamentos do Governo com verbas reforçadas no próximo ano.

É o caso da Secretaria Regional das Obras Públicas e Comunicações, reforçada com 26 milhões de euros (passa de 93,8 milhões de euros para 119,9 milhões).

Também a Secretaria Regional das Finanças, Planeamento e Administração Pública cresce mais de 42 milhões de euros (passa de 68,4 milhões de euros para 110,8 milhões), segundo o documento.

Os parceiros sociais e os conselhos de ilha vão ser chamados, entretanto, a emitir parecer sobre a anteproposta de Plano de investimentos do Governo para 2022, antes de o parlamento discutir e votar a versão final dos documentos, no plenário marcado para o final de novembro.

Comente este artigo
Anterior Infográfico: Principais doenças das oliveiras
Próximo Live: Seminário Platisor | Apresentação de Resultados

Artigos relacionados

Últimas

Vice da Comissão Europeia pede a ativistas que convençam governos a aceitar agricultura mais verde

O vice-presidente da Comissão Europeia afirmou hoje que os governos dos estados-membros são um dos principais obstáculos para virar PAC no […]

Últimas

PAGAMENTOS AGOSTO 2019

PAGAMENTOS AGOSTO 2019
No dia 30 de agosto de 2019, o IFAP procedeu a pagamentos* num montante total de cerca de 41,6 milhões de euros, dos quais se destacam os seguintes:
FEAGA

POSEI

Abastecimento – […]

Eventos

O regadio e a sustentabilidade agroambiental: Economia circular – 8 de novembro – Coimbra

É objetivo do seminário destacar os principais desafios para o desenvolvimento sustentável para Portugal […]