Gouveia recebe candidaturas para apoio à produção de ovinos e caprinos

Gouveia recebe candidaturas para apoio à produção de ovinos e caprinos

O município de Gouveia, no distrito da Guarda, tem a decorrer, até ao dia 30, o período de candidaturas para atribuição de apoios e incentivos à produção de ovinos Serra da Estrela e de caprinos.

Segundo a autarquia presidida por Luís Tadeu, o Regulamento Municipal de Incentivo à Produção de Ovinos Serra da Estrela e de Caprinos do Concelho de Gouveia, aprovado em 2019, “destina-se aos agricultores, pessoas singulares ou coletivas com domicílio fiscal e com assento de lavoura” no município.

O regulamento prevê a atribuição de incentivos à instalação de explorações pecuárias de gado ovino e caprino e aos criadores das explorações agropecuárias já existentes.

Também contempla a atribuição de apoio aos produtores de leite Serra da Estrela, às queijarias com sede no concelho de Gouveia e apoio técnico municipal às explorações na tramitação dos processos de licenciamento de queijarias.

A medida autárquica prevê um incentivo financeiro de 5.000 euros para jovens agricultores na primeira instalação no setor da ovinicultura da raça Serra da Estrela ou caprinicultura.

Também contempla um incentivo à manutenção do efetivo pecuário reprodutor das explorações existentes no valor de cinco euros por animal para ovinos Serra da Estrela, e de um euro por animal para ovinos de outras raças e caprinos; e um incentivo para aumento de efetivo pecuário reprodutor de 10 euros por animal até ao máximo de 30, e de seis euros por animal para mais de 30 animais, no que respeita a ovinos da raça Serra da Estrela.

O aumento do efetivo pecuário reprodutor para ovinos de outras raças e caprinos é incentivado com um subsídio de cinco euros por animal (até 30 animais) e de três euros para mais de 30 animais.

Está, ainda, previsto um incentivo para a produção de leite Serra da Estrela por ovinos das explorações com assento de lavoura no concelho, sendo que para o leite Serra da Estrela laborado/transformado em queijarias locais será atribuído o apoio de 0,02 euros/litro, e para o leite laborado/transformado fora do âmbito das queijarias do concelho será de 0,005 euros/litro.

As queijarias devidamente legalizadas podem candidatar-se a um incentivo no valor de 250 euros por ano.

Devido à pandemia de covid-19, o município de Gouveia informa que as candidaturas devem ser formalizadas através de ‘email’ ([email protected]) ou pelo telefone (238 490 210).

O concelho de Gouveia integra a Região Demarcada de Produção de Queijo Serra da Estrela, que engloba áreas de 18 concelhos da Bacia Hidrográfica do Alto Mondego.

Comente este artigo
Anterior Ministra da Agricultura: "Se continuarmos a adiar, não vamos ter reforma da PAC"
Próximo Identificadas moléculas a partir do vinho do Porto que podem tratar doenças de pele

Artigos relacionados

Sugeridas

Validade da vacinação de ovelhas contra língua azul prolongada

A validade da vacinação em ovelhas no Algarve em 2020 contra a Língua Azul foi prolongada para durar enquanto vigorar o estado de emergência, segundo um despacho da Direção-geral […]

Últimas

Covid-19: Produtores de aves, leitões e leite de ovelha/cabra têm apoio de 12 ME

Os setores das aves e ovos, leitões para abate, porco alentejano e produção de leite de pequenos ruminantes vão ter um apoio de 12,2 milhões de euros a partir de quinta-feira, segundo uma […]

Nacional

Navigator quer usar bio-resíduos e atingir neutralidade carbónica até 2035

“O processo silvícola e industrial produz bio-resíduos – folhas, ramos, cascas – que sobram da parte ‘core’ da árvore que usamos para a parte industrial. […]