GNR apreende 2,7 toneladas de pinhas em Gouveia. Período de apanha só arranca a 1 de Dezembro

GNR apreende 2,7 toneladas de pinhas em Gouveia. Período de apanha só arranca a 1 de Dezembro

O Comando Territorial da Guarda, da GNR — Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Protecção Ambiental de Gouveia, dia 20 de Novembro, apreendeu 2,7 toneladas de pinhas de pinheiro manso, Pinus Pinea, na localidade de Nespereira, no concelho de Gouveia.

Durante uma acção de fiscalização no âmbito da protecção florestal, explica um comunicado da GNR, os militares abordaram um veiculo que transportava pinhas de pinheiro manso, relativamente às quais, de acordo com o estabelecido na lei, é proibida a sua colheita fora do período de 1 de Dezembro de 2019 a 31 de Março de 2020.

Coima pode atingir os 3.500 euros

Desta acção, resultou a identificação de um homem com 39 anos, bem como, a elaboração de um auto de contra-ordenação, cuja infracção corresponde a uma coima que pode atingir os 3.500 euros.

Além da apreensão das pinhas, foram também apreendidos outros objectos utilizados na prática do ilícito contra-ordenacional, os quais foram entregues no ICNF — Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, em Seia.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior O medronho não dá só aguardente. Em Vila Nova de Tazem dá azeite
Próximo “Trabalhamos com diversos parceiros numa relação de amizade e de confiança muito para além dos negócios”

Artigos relacionados

Internacional

Governo angolano adota medidas para reduzir preços de alimentos e mitigar efeitos da seca

A Comissão Económica do Conselho de Ministros de Angola aprovou hoje dois documentos relativos à alimentação, um com o objetivo de minimizar os impactos da estiagem na produção […]

Sugeridas

CNA preocupada com as ajudas da PAC aos Agricultores

A CNA apresentou à Exmª Senhora Ministra e ao Conselho Directivo do IFAP, um conjunto de medidas de simplificação das condições processuais []

Nacional

Cultivares de Oliveira: Cordovil de Castelo Branco

Cordeiro, A.M.; Calado, M.L.; Morais, N.; Miranda, A. & Carvalho, M.T.
INRB / L-INIA / URGEMP
Aspectos Gerais
Sinonímias reconhecidas: Cordovil. […]