Foco de Peste Suína Africana detetado na ilha cabo-verdiana da Boa Vista

Foco de Peste Suína Africana detetado na ilha cabo-verdiana da Boa Vista

A câmara municipal da ilha cabo-verdiana da Boa Vista proibiu a partir de hoje o abate sem autorização de suínos, depois de confirmados laboratorialmente sete casos de Peste Suína Africana (PSA), anunciou a autarquia.

Em comunicado, a Câmara da Boa Vista refere que das 31 amostras suspeitas enviadas para análise no laboratório veterinário da Direção de Serviço da Pecuária cabo-verdiano, sete foram confirmadas com anticorpos de PSA.

Os casos foram registados em explorações suinícolas localizadas na Zona Industrial de Sal-Rei, tendo as autoridades locais avançado com a implementação de medidas sanitárias, envolvendo a Câmara da Boa Vista, o Ministério da Agricultura e Ambiente, a Delegacia de Saúde e Polícia Nacional, “em prol da defesa da Saúde Pública”.

Acrescenta que ficam “totalmente proibidas” atividades como o abate de suínos “sem a devida autorização”, a circulação de suínos entre localidades daquela ilha e para outras ilhas, incluindo produtos derivados.

No comunicado é feito ainda apelo à colaboração da população para não adquirir ou consumir carne de porco sem o certificado de salubridade emitido pela autoridade veterinária local “e, em circunstância alguma, consumir carne de porco de origem duvidosa”.

Comente este artigo
Anterior Regantes de Alqueva fecham 2020 com dívida de quase 5,5 milhões de euros
Próximo Alentejo: Exportação de produtos continua a crescer

Artigos relacionados

Últimas

Município do Cartaxo promove Semana da Alimentação

Começa na próxima segunda-feira, dia 14 de Outubro, a comemoração da Semana da Alimentação promovida pelo Município do Cartaxo, a propósito do Dia Mundial da Alimentação, […]

Últimas

DGAV determina período sazonalmente livre de vector de Língua Azul dos ovinos

A DGAV – Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, através do Edital n.º 51 da Língua Azul, de 7 de Janeiro de 2020, […]

Opinião

InovTechAgro – Inovação, mas não só! – Luís Alcino da Conceição

No nova PAC no período pós 2020 e na recente Agenda para a Inovação do Ministério da Agricultura as competências nas áreas de agricultura de precisão, digitalização e mecanização […]