A FENAREG e o novo preço da água para Alqueva

A FENAREG e o novo preço da água para Alqueva

Foi divulgada pelo Senhor Ministro da Agricultura a redução dos preços da água de Alqueva, decisão política que resulta do esforço conjunto com os Ministérios das Finanças e do Ambiente.

A FENAREG congratula-se com a redução dos preços aos regantes diretos de Alqueva, valores agora equiparados aos praticados noutros perímetros de rega do País. Os novos preços contribuem assim para a viabilidade do regadio de Alqueva, proporcionando melhores condições de competitividade para os regantes do EFMA – Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva, reivindicação já antiga da Federação.

Para além destes fornecimentos de água aos agricultores diretos do EFMA, o sistema de Alqueva, projetado para fazer face aos ciclos de seca do Alentejo, tem também a possibilidade de abastecer os perímetros de rega confinantes, que já existiam antes de Alqueva. Com o terceiro ano consecutivo de seca, as albufeiras destes perímetros registam valores críticos de armazenamento e o recurso a Alqueva para recarregar as barragens torna-se vital, estando em risco 30.000 ha de regadio, para além das questões ambientais e de qualidade da água dessas albufeiras. O preço anunciado para esta situação ficou aquém das expectativas, mas estamos convencidos que haverá abertura para viabilizar este recurso, num contexto agravado por situações excecionais e para encontrar soluções que permitam reduzir esses custos.

Não conhecendo ainda o texto final do Despacho, aguardamos a sua divulgação pelo Ministério de Agricultura.

FENAREG – Federação Nacional de Regantes de Portugal, é uma associação de utilidade pública, sem fins lucrativos, de âmbito nacional, fundada em 2005, que agrupa entidades dedicadas à gestão da água para rega, tanto superficial como subterrânea, com o objetivo de unir esforços e vontades na defesa dos seus legítimos interesses e na promoção do desenvolvimento sustentável e da competitividade do regadio. Atualmente conta com 28 associados que representam mais de 22 mil agricultores regantes e cerca de 134.750 hectares, quer dizer, mais de 76% do regadio coletivo público e cerca de 20% do regadio nacional. Mais informações:

FENAREG Tel.: +351 962 055 519 / 243 610 355 secretariado@fenareg.pt www.fenareg.pt

Comente este artigo
Anterior EP environment committee in plea against GMO cultivation approvals
Próximo Ukrainian agribusiness investors await long promised land reforms

Artigos relacionados

Comunicados

Bolsa Nacional de Terras – Projeto Piloto ZIF

[Fonte: GPP]
A Bolsa Nacional de Terras e a Zona de Intervenção Florestal (ZIF) de Aldeia do Mato dá a conhecer o arranque do Projeto Piloto ZIF, entre Este Projeto visa identificar e disponibilizar, na Bolsa de terras, as terras inseridas em Zonas de Intervenção Florestal, […]

Últimas

Em Silves há espaço e vontade para crescer num setor histórico para o município

[Fonte: Voz do Campo]

Destacar e promover a citricultura que se faz no concelho são apenas dois dos propósitos da 3.ª Mostra Silves Capital da Laranja que decorre de 15 a 17 de fevereiro. Depois de alguns anos em estagnação, ultimamente a área de citrinos no concelho tem aumentado exponencialmente, […]

Comunicados

Ministro do Ambiente assume razias para a Produção Pecuária Nacional a pretexto da redução das emissões de Carbono até ao ano de 2050

Fonte:[CNA]
O Governo Português, através do Ministro do Ambiente e da Transição Energética, acaba de apresentar o chamado “Roteiro para a Neutralidade Carbónica em 2050 – RNC 2050” com um conjunto de ideias, números e medidas alegadamente para a redução, quase total até essa data, […]