Falta de mão de obra para a agricultura açoriana é “muito preocupante” – Chega/Açores

Falta de mão de obra para a agricultura açoriana é “muito preocupante” – Chega/Açores

O deputado regional do Chega/Açores José Pacheco afirmou hoje que a falta de mão-de-obra e a “pouca motivação para atrair mais jovens” para a agricultura açoriana é um “dado muito preocupante” para o setor.

Em nota de imprensa, o partido destaca que a pandemia de covid-19 “tem vindo a agravar os rendimentos” dos agricultores, a que “se somam as contingências” já identificadas antes da pandemia.

“É o caso, por exemplo, da falta de mão-de-obra e da pouca motivação para atrair mais jovens para este setor”, lê-se no comunicado.

Segundo o Chega/Açores, o preço do leite e da carne continuam a ser uma questão que deixa o setor apreensivo quando ao futuro e à sustentabilidade das explorações agrícolas.

Citado no comunicado, o deputado do Chega/Açores, que visitou hoje feira de Santana, no concelho da Ribeira Grande, na ilha de São Miguel, assegura que está “sensibilizado” para “encontrar soluções” que minimizem as “dificuldades porque estão a passar muitos lavradores e agricultores açorianos”.

“A suspensão das festividades do Espírito Santo, por causa da pandemia, deixa o mercado do gado estagnado por mais um ano, o que provoca mais instabilidade num setor que, por altura das Festas do Espírito Santo, via um rendimento superior”, lê-se na nota de imprensa.

As Festas do Espírito Santo têm uma forte expressão em todo o arquipélago dos Açores, envolvendo tradicionalmente cerimónias religiosas e a partilha de refeições na rua, além de atuações musicais e outras iniciativas comunitárias.

O Governo Regional, liderado pelo social-democrata José Manuel Bolieiro, é suportado no parlamento açoriano pelos partidos que integram o governo e pelo Iniciativa Liberal e Chega.

Comente este artigo
Anterior Incêndios: AR estende por mais dois meses mandato do Observatório Técnico Independente
Próximo Oferta de emprego - Engenheiro Zootécnico - Benavente

Artigos relacionados

Nacional

Ministra da Agricultura garante menos burocracia e mais regadio para setor

A ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, assegurou hoje em Madrid que os agricultores portugueses vão poder contar com menos burocracia e um aumento da área de regadio […]

Dossiers

Agricultores exigem medidas para salvaguardar produção e segurança alimentar

“A CNA chama à atenção para que quaisquer restrições às movimentações não atinjam indiscriminadamente a produção agrícola e alimentar e reitera a necessidade de uma outra política que apoie a agricultura familiar e a produção nacional com medidas concretas e urgentes”, […]

Últimas

Incêndios: Tutela reitera que “não há exceções” para apresentação dos planos de defesa

Em resposta à Lusa, aquele ministério salienta que “nada tem a acrescentar relativamente à informação prestada sobre esta matéria” em abril, […]