Estudantes da UA cuidam de duas mil árvores em casa para repovoar floresta

Estudantes da UA cuidam de duas mil árvores em casa para repovoar floresta

Duas mil árvores vão ser entregues a estudantes da
Universidade de Aveiro (UA) para cuidarem delas até fevereiro, altura em que as
irão plantar em zonas desflorestadas. As árvores são entregues a 2 de outubro,
no Campus da Academia de Aveiro, naquele que é o ponto de partida de um dos
maiores projetos universitários de reflorestação em Portugal.

Pelo segundo ano consecutivo, a iniciativa Plantar o
Futuro quer fazer dos estudantes – a restante comunidade académica está também
convidada a participar – padrinhos e madrinhas de carvalhos-alvarinhos, de
amieiros, de freixos, de salgueiros ou de choupos, todas árvores autóctones da
floresta portuguesa.

Sob o mote “Se cada um de nós plantar uma árvore, um dia teremos uma floresta”, depois de entregues as árvores ficam ao cuidado dos estudantes até fevereiro, altura que serão utilizadas na reflorestação de áreas do Município de Estarreja.

Organizada pelo Grupo para a Sustentabilidade da UA,
pela associação Agora Aveiro e pela Câmara Municipal de Estarreja, a iniciativa
quer dar o exemplo na defesa e promoção da floresta autóctone e do seu valor na
mitigação das alterações climáticas, resiliência contra incêndios, regulação e
melhoria do clima e conservação da biodiversidade. O projeto pretende mudar o
papel dos jovens na defesa da Natureza, desde a ocasião em que adotam as
pequenas árvores até ao momento em que, pelas suas próprias mãos, as plantarão
em zonas desflorestadas.

Paulo Jorge Ferreira, Reitor da UA, juntamente com
representantes da Câmara Municipal de Estarreja, vai entregar ao início da
tarde de 2 de outubro, em frente ao edifício da Reitoria, as primeiras árvores
aos padrinhos e madrinhas. Junto com estas os alunos receberão um pequeno kit
com instruções sobre como tratar das árvores bem como informação sobre a
floresta portuguesa.

Durante o decorrer do projeto, os padrinhos e as
madrinhas terão ao seu serviço uma linha de apoio, prestada pelo Núcleo e
Estudantes de Biologia da Associação Académica da UA, para os ajudar na tarefa
de cuidar das árvores em casa. Em fevereiro, após a época de exames, os alunos
serão convidados a participar nas ações de reflorestação a decorrer em Estarreja,
sob a orientação técnica da Agora Aveiro e da Associação BioLiving.

O Plantar o Futuro é um projeto que conta com o
apoio do Instituto Português do Desporto e da Juventude, através do Programa
Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas. Este projeto é cofinanciado
pela União Europeia e pelo Instituto Camões, no âmbito do projeto NOPLANETB
AMI.

O conteúdo Estudantes da UA cuidam de duas mil árvores em casa para repovoar floresta aparece primeiro em GazetaRural.

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Margarida Santos | Médica e co-autora do The Lifestyle Plan.
Próximo Balanço da campanha das Prunóideas - 25 de outubro - Belmonte

Artigos relacionados

Nacional

Agricultura reconhece boa aposta da marca Açores

“Esta é uma feira muito importante para os Açores. É um evento que se dedica à promoção de produtos. É preciso aproveitar estes eventos e reconhecer o trabalho desenvolvido pela SDEA. […]

Últimas

Javalis e outros animais selvagens forçam abandono da agricultura familiar na região Centro

Javalis, veados e corços regressaram aos antigos habitat da região Centro, onde agora se multiplicam e arrasam culturas, levando as famílias a desistir das explorações. […]

Últimas

Workshop Online: Grupo Operacional AGIR – 1 de outubro

Para assinalar o Dia Nacional da Água (1 de outubro) a APRH – Associação Portuguesa dos Recursos Hídricos em conjunto com os parceiros do Grupo Operacional AGIR […]