“Estaremos seguramente num caminho de transferência crescente de mais-valias para toda a fileira”

“Estaremos seguramente num caminho de transferência crescente de mais-valias para toda a fileira”

José Maria Falcão, Presidente da Associação Interprofissional da Fileira Olivícola

“Sem vergonha de copiar soluções com sucesso, mas adaptando à nossa realidade estaremos seguramente num caminho de transferência crescente de mais-valias para toda a fileira. Mas não nos podemos esquecer que embora o azeite seja um produto de alta qualidade com propriedades ao nível da saúde quase ímpares, faz parte do pacote das gorduras alimentares e que no semáforo nutricional europeu aparece a vermelho misturado erradamente com todos os tipos de gordura sem qualidade comparável”.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior Grande Investigação: Os novos donos do Alentejo
Próximo União Europeia avisa EUA que vai retaliar e aplicar tarifas a produtos norte-americanos

Artigos relacionados

Últimas

Aproveitamento Hidroagrícola do Mira. Agricultores agradecem que Governo siga as suas recomendações

A AHSA — Associação dos Horticultores, Fruticultores e Floricultores dos Concelhos de Odemira e Aljezur diz que a Resolução do Conselho de Ministros, […]

Últimas

FMC Agricultural Solutions reforça presença em Portugal

Teve lugar neste mês a apresentação oficial da Servagronis – Produtos para a Agricultura, Lda, como novo distribuidor da FMC Agricultural Solutions para Portugal. […]

Últimas

Promulgação de alterações laborais marca “rutura” com precariedade, diz ministro

“A legislação agora promulgada pelo Presidente da República [Marcelo Rebelo de Sousa] é uma legislação que estabelece uma rutura com muitos anos de questões no que toca à […]