Espaço Visual lança cursos sobre a cultura do Pistácio

Espaço Visual lança cursos sobre a cultura do Pistácio

A consultora agrícola Espaço Visual vai lançar cursos avançados na cultura do Pistácio entre os dias 8 de junho e 30 de novembro. Estas ações, cujas inscrições poderão ser feitas no site da Espaço Visual, visam dotar os interessados de conhecimentos e competências sobre uma cultura emergente.

“Só uma gestão baseada na formação adquirida pode ser mais eficaz e alcançar melhores resultados”, diz José Martino, CEO da Espaço Visual. Para este especialista, ” a cultura do pistácio tem vindo a ter forte expansão em Portugal porque tem grande rentabilidade económica e, pode, ser dentro de poucos anos, a cultura mais rentável na fileira dos frutos secos”.

O curso avançado em pistácio destina-se a jovens empreendedores, empresários e técnicos agrícola, além de outros interessados em especializarem-se nesta cultura. O objetivo é dar conhecimentos e competências sobre a operações tendentes à implantação, manutenção, condução e colheita do pistácio.

Os cursos estão focados na instalação de pomares de pistácio, rega, fertilização, manutenção de pomares, proteção fitossanitária e agronegócio.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior Madeira: aprovado plano regional para a família e intervenção social
Próximo Festival do Arroz Carolino está de volta

Artigos relacionados

Últimas

Resumo Climatológico – novembro 2019: frio em temperatura do ar e chuvoso em precipitação

O mês de Novembro de 2019 classificou-se como frio em relação à temperatura do ar e chuvoso em relação à precipitação […]

Últimas

Novo cortador, mais versátil e com quatro acessórios incluídos

Com o arranque de 2019, a McCulloch apresenta uma nova ferramenta para tratar do jardim. A marca aumenta a sua extensa gama de cortadores térmicos com o novo cortador B33PS + 4 em 1, […]

Nacional

‘Startup’ de Coimbra desenvolve plataforma para melhorar prevenção de incêndios

A ‘startup’ de Coimbra Bold Robotics recebeu um apoio da Agência Espacial Europeia para desenvolver uma plataforma que usa dados de observação da Terra para otimizar a prevenção de incêndios e a gestão de terrenos florestais. […]