EDIA apoia e junta-se a movimentos solidários no combate à COVID-19

EDIA apoia e junta-se a movimentos solidários no combate à COVID-19

A pandemia de COVID-19 que assolou o mundo, e por consequência o nosso País e a região onde a EDIA exerce a sua atividade, o Alentejo, veio trazer ao de cima o melhor que cada ser humano tem na ajuda ao combate a este vírus.

A EDIA não podia ficar alheia a esta nova realidade, decidindo por isso integrar um conjunto de iniciativas que visam minimizar os efeitos desta pandemia.

Foi nesse sentido que a Empresa integrou o grupo doador liderado pelo Núcleo Empresarial da Região de Beja, NERBE/AEBAL; a Associação de Agricultores do Sul, ACOS e a Cooperativa Agrícola de Beja, para constituição de um fundo solidário a entregar diretamente ao Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, para realização de obras urgentes neste cenário de Pandemia.

Noutra vertente, a do apoio a lares, Bombeiros, CERCI Beja e Centro de Paralisia Cerebral de Beja, também a EDIA integrou o grupo solidário juntando-se à causa “SER HUMANO” lançada pela Cáritas Diocesana de Beja e pela Malhadinha Nova.

No apoio ao grupo de voluntários, “Em nome da solidariedade”, que juntou, entre outras pessoas, costureiras que estão a produzir Equipamentos de Proteção Individual para o pessoal do Hospital de Beja, a EDIA entregou cerca de 340 m2 de TNT, Tecido Não Tecido.

Entretanto foi constituída uma plataforma eletrónica, a OPTA – Organização Pontual no Tempo Atual, que tem como objetivo constituir um “Espaço Solidário e de Partilha”, que permita auxiliar e apoiar algumas franjas da sociedade fortemente afetadas pela pandemia Covid-19, nomeadamente o setor do comércio, turismo e cultura, micro empresas, empresários agrícolas, bem como pessoas que se encontrem em regime de layoff.

Esta plataforma tem como parceiros a ADRAL; Associação Comercial do Distrito de Beja; Associação ESTAR; Banco Alimentar; EDIA; EAPN Núcleo de Beja; GeekCase Sistemas Informáticos e o NERBE.

A estes parceiros associaram-se, entretanto, a AABA – Associação de Agricultores do Baixo Alentejo; o TREVO – Floresta, Agricultura e Ambiente, Lda; a Inogás e a Companhia de Teatro Bejense Arte Pública.

Voluntários da OPTA procederam esta semana à recolha de 420kg de nectarinas doados pelo TREVO, para ao Banco Alimentar contra a fome- BEJA.

Para mais informações ou adesão à OPTA contacte: [email protected]

Com estas parcerias, a EDIA tenta cobrir todas as áreas da nossa sociedade no combate a esta pandemia, juntando-se à luta que cada português, cada um à sua maneira, está a fazer.

ESTAMOS ON

Comente este artigo
Anterior O setor agrícola e a sociedade: o que muda na ressaca da pandemia?
Próximo Mulheres dinamizam projeto de alojamento com quinta agrícola em Manteigas

Artigos relacionados

Últimas

Transferência de 85 milhões do II pilar da futura PAC pode hipotecar investimento na Agricultura

Especialistas ouvidos pela “Vida Económica” questionam decisão da ministra da Agricultura […]

Sugeridas

Alemanha confirma 6 novos casos de peste suína africana em javalis

Mais seis casos de peste suína africana (PSA) em javalis selvagens foram confirmados no Estado de Brandemburgo, no leste da Alemanha, informou o Ministério da Agricultura do país nesta sexta- […]

Comunicados

Lusosem lança variedades de milho híbrido com Starcover – tecnologia inovadora da LG que fortalece a semente

Starcover é uma inovação da LG para aplicação nas melhores variedades de sementes da marca. Trata-se de uma tecnologia de ponta constituída por […]