“É uma obrigação garantir a subida do preço de leite à produção”

“É uma obrigação garantir a subida do preço de leite à produção”

Esta é a única forma de garantir a sustentabilidade do setor que atravessa uma crise, na sequência da descida do preço do leite pago pelas indústrias.

Jorge Rita, representante dos agricultores na Região, considera ser necessário implementar uma medida regional e nacional para salvaguardar que o leite e derivados “não possam ser vendidos abaixo de determinado preço”, referindo “ser obrigatório garantir a subida do preço do leite pago à produção”.

Ler mais na edição desta sexta-feira, 8 de fevereiro 2019, do jornal Açoriano Oriental

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Açoriano Oriental.

Anterior Pesticidas e Cancro Entre os Agricultores: a Corrida em Direção à Irrefutabilidade
Próximo Coto a las ayudas PAC: Más de la mitad no tienen al menos el 25% de ingresos agrarios sobre sus totales

Artigos relacionados

Últimas

Avicasal recebe prémio Escolha do Consumidor pelo terceiro ano consecutivo

Pela terceira vez seguida, a Avicasal, empresa nacional detida pelo grupo Soja de Portugal, recebeu o prémio Escolha do Consumidor 2020, na […]

Nacional

Agricultura urbana sustentável: a solução para a alimentação?

É possível produzir no meio das cidades algumas culturas agrícolas básicas como o milho, garantindo um nível nutricional adequado. […]

Cotações ES

La almendra ecológica, en su precio más alto de los últimos tres años


Los precios en almendra han ganado estabilidad y aunque han continuado la tendencia alcista de los últimas semanas, los aumentos han sido más moderados y selectivos. […]