Doenças alimentares e pragas colocarão em risco até 500 milhões de pessoas em África – Investigadores

Doenças alimentares e pragas colocarão em risco até 500 milhões de pessoas em África – Investigadores

Uma equipa de investigadores alertou hoje para a proliferação de doenças de plantas agrícolas e de pragas em África, uma ameaça à segurança alimentar de até 500 milhões de pessoas no continente.

Falando em Abidjan, na Costa do Marfim, no âmbito do Programa de Epidemiologia dos Vírus da África Ocidental, os investigadores revelaram o aparecimento naquele país de um “vírus da cana-de-açúcar”, uma patologia “que apenas existia” na Ásia, assim como da “doença da banana”, em todo o continente africano

“Insetos migratórios, doenças em plantas e outras pragas representam uma séria ameaça às culturas (…) na África Ocidental e Central”, disse Justin Pita, diretor executivo do programa, cujo principal foco é a segurança alimentar e que é financiado pelo Fundação Bill e Melinda Gates.

A segurança alimentar em África “está ameaçada” e a “biodiversidade e o meio ambiente regional” estão a ser “prejudicados pela ação combinada e nociva de gafanhotos”, cujas pragas invadiram vários países africanos, “moscas da fruta, e doenças da banana e da mandioca”, referem os responsáveis do Programa.

A mandioca, por exemplo, é uma das bases alimentares para 500 milhões de africanos e, segundo a mesma fonte, poderá causar “uma perda de três mil milhões de dólares [mais de 1,5 mil milhões de euros] por ano na África Subsariana”, dá conta a France-Presse (AFP).

Comente este artigo
Anterior Webinar: Invasões biológicas em águas interiores - 1 de junho
Próximo 1 de junho é Dia Nacional do Sobreiro e da Cortiça

Artigos relacionados

Últimas

Los precios de los corderos superan a los del año pasado

Esta semana se han impuesto las repeticiones en los precios de los corderos, posicionándose tras las subidas de la anterior semana. […]

Dossiers

EAT EUROPE – Nutrition: between labelling and public health

Public health issues concern people and States. The former is often exposed to an unbalanced and lacking information system, whereas the latter have been trying to fight against spread health […]

Últimas

Dia Mundial do Chocolate: serão os problemas desta indústria eternos? – Pedro Araújo

De outra forma não encontro explicação para o problema com que me deparo. Passo a explicar: a 17 de Junho de 2021 o Supremo Tribunal de Justiça dos Estado Unidos da América […]