Cotações – Flores e Folhagens – 22 a 28 de março 2021

Cotações – Flores e Folhagens – 22 a 28 de março 2021

Alstroeméria – Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, a oferta equilibrou a procura média. Boa qualidade e alguma dificuldade de escoamento, devido ao encerramento de canais habituais. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. Cotações sem alterações. Arália – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta e a procura mantiveram-se baixas. Cotações estáveis.

Cravo/Cravina – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. Oferta e procura médias. Alguma dificuldade de escoamento, devido ao encerramento de canais habituais.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca porque ultimamente não foram feitas plantações novas e as plantações existentes estiveram e estão a ser semi-cuidadas (menor qualidade) e outras abandonadas. A procura melhorou devido à semana da Páscoa a. Subida das cotações do cravo e da cravina.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. Subida da cotação máxima do cravo “Tipo Americano”.

Crisântemo – Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta do crisântemo “Tipo Spray” manteve-se média/baixa e a procura aumentou ligeiramente devido à Páscoa. Cotações sem alterações.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta manteve-se muito baixa e a procura média. Subida da cotação máxima.

Espargo – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, a oferta foi média e equilibrou a procura. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. Cotações sem alterações Estrelícia – Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca porque ultimamente não foram feitas plantações novas e as plantações existentes estiveram e estão semi-cuidadas (menor qualidade) e outras abandonadas. A procura esteve baixa mas ligeiramente superior devido à semana festiva. Subida da cotação mínima e da mais frequente.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média/baixa. Cotações sem alterações.

Eucaliptos – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, as cotações não se alteraram. A oferta foi baixa e a procura média.

Feto – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média/baixa. Cotações sem alterações.

Frésia – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. cotações sem alterações. Boa qualidade.

Gerbera – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. Oferta e procura média. Boa qualidade. Algumas dificuldades de escoamento.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi média/baixa e a procura esteve regular. Subida das cotações da gerbera, categoria I. As estufas estão a ser aquecidas.

Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura ligeiramente superior. Subida da cotação máxima na gerbera mini.

Gipsofila – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. Subida das cotações.

Gladíolo – Na Região Norte, na área de mercado Entre douro e Minho, as cotações valorizaram significativamente devido à menor oferta não se alteraram. Oferta e procura médias. Boa qualidade. Algumas dificuldades de escoamento.

Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. Subida das cotações mínima e mais frequente.

Girassol – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média/baixa. Cotações sem alterações..

Íris – Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi média e equilibrou a procura. Cotações sem alterações.

Lilium – Na região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, as cotações mantiveram-se estáveis. A oferta equilibrou a procura média. Boa qualidade e alguma dificuldade de escoamento devido ao fecho de canais habituais.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi muito fraca, muito inferior a um ano normal nesta época. Como se estragou muita flor no início da pandemia, os produtores reduziram as áreas de plantação e agora a oferta foi fraca. Subida das cotações do lilium grande e da cotação máxima do lilium médio.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa porque o produtor não investiu nesta flor.

Procura ligeiramente baixa. Subida das cotações.

Matiola – Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta e a procura foram médias. Cotações sem alterações.

Ranúnculos- Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta e a procura mantiveram-se médias.

Cotações estáveis.

Rosa – Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. A oferta foi média/baixa e a procura média. Escoamento com algumas dificuldades devido ao encerramento de canais habituais. Concorrência de produto importado do Equador e Holanda.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média. As cotações não se alteraram.

Ruscus – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, as cotações não se alteraram. A oferta e a procura foram médias.

Statice – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média/baixa. Cotações sem alterações.

Tulipa – Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. Boa qualidade. A procura foi média e a oferta ligeiramente inferior. Algumas dificuldades de escoamento devido ao encerramento de alguns canais habituais. Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, terminou a campanha de produção e comercialização.

→ Aceda aqui às cotações ←

Comente este artigo
Anterior Cotações - Produtos Hortícolas - 22 a 28 de março 2021
Próximo Live: 1º Workshop ProJovemRural: A nova PAC e os jovens agricultores

Artigos relacionados

Comunicados

Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional entra em funcionamento

O Governo aprovou a criação do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSANP) com o objetivo de contribuir para a concretização do Direito Humano à Alimentação Adequada e de contribuir para a definição de uma visão integrada […]

Notícias inovação

Japão | Primeiro alimento geneticamente editado estará à venda em 2022

Depois de ouvir um painel de especialistas em Dezembro de 2010, o ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar chinês decidiu autorizar a comercialização de uma variedade de tomate geneticamente editada desenvolvida por uma start-up sediada em Tóquio. […]

Dossiers

Los precios de los corderos permanecen inamovibles


Se mantiene sin cambios las cotizaciones de los corderos, con escaso movimiento, pero sin presión por parte de la oferta, […]