Cotações – Bovinos – 6 a 12 de setembro 2021

Cotações – Bovinos – 6 a 12 de setembro 2021

As cotações médias, mais frequentes, de novilho e de novilha, 12 a 24 meses, cruzados Charolês, subiram 0,007 e 0,01 €/kg Peso Carcaça, respetivamente. As cotações médias, mais frequentes, de novilhos e de novilhas, 12 a 24 meses, Turina, não se alteraram.

Na região Trás-os-Montes, nas áreas de mercado Terra Fria e Alto Tâmega a oferta foi média/alta e a procura média/baixa. Dificuldade no escoamento de bovinos devido ao baixo consumo. Continuou a não se verificar qualquer influência de trocas comerciais com outros países. As cotações não se alteraram na região.

Na região Entre Douro e Minho, nas áreas de mercado Entre Douro e Minho Regional, Entre Douro e Minho e Ribadouro a oferta e a procura foram médias e sem dificuldade de escoamento. Continuou a existir concorrência de produto importado, sobretudo, de Espanha a preços inferiores. As vacas de abate refugo continuaram a ser exportadas para Espanha. Manutenção de cotações nas áreas de mercado da região.

Na região Beira Litoral, nas áreas de mercado Beira Litoral Regional, a oferta foi baixa e a procura foi média. A procura de animais para a abate diminuiu ligeiramente em todas as áreas de mercado. A oferta continuou insuficiente para satisfazer a procura. Na área de mercado, Aveiro, a cotação, mais frequente, de novilho, 12 a 24 meses, cruzado Charolês, aumentou, 0,05 €/kg Peso Carcaça. Exceto a referida, houve manutenção de cotações nas áreas de mercado.

Na região Beira Interior, nas áreas de mercado Beira Interior Regional, Castelo Branco e Guarda, a oferta e a procura continuaram médias, isto é, a oferta foi regular ou suficiente para uma procura regular ou normal. Os produtores continuaram a vender, para os restaurantes. Na área de mercado Castelo Branco, melhorou a procura destinada aos restaurantes, mas os produtores que tinham contratos com as Grandes Superfícies, continuaram a entregar, semanalmente, apenas as peças inicialmente contratualizadas. Na área de mercado Guarda, a proximidade com Espanha, influenciou as compras e a aquisição de animais, o que se refletiu na cotação de bovinos. Houve manutenção de cotações dos diferentes produtos de origem bovina.

Na região Ribatejo e Oeste, na área de mercado Ribatejo, a oferta e a procura, foram médias. A relação entre a procura e a oferta continuou equilibrada. Houve manutenção de cotações, em toda a região.

Na região Alentejo, nas áreas de mercado ,Estremoz e Évora, a oferta foi média/alta e a procura foi média. Na área de mercado Alentejo Norte, Alentejo Litoral, Beja e Elvas a procura e a oferta foram médias. Nas áreas de mercado, Alentejo Regional e Évora, as cotações, mais frequentes e máximas, de novilha e de novilho, 12 a 24 meses, cruzados Charolês, subiram, 0,03 e 0,04 €/kg Peso Carcaça, respetivamente. Na área de mercado Évora, a cotação mínima desta novilha, também, aumentou 0,05 €/kg Peso Carcaça. Na área de mercado, Estremoz, as cotações mínimas, daquele novilho e daquela novilha, também, aumentaram, 0,05 €/kg Peso Carcaça. Na área de mercado, Estremoz, a cotação mais frequente, de vitela, 6 a 8 meses, cruzada Charolês, diminuiu, 0,05 €/kg Peso Vivo, mas na área de mercado Évora, foi a cotação mínima que diminuiu 0,10 €/kg Peso Vivo. Na área de mercado Alentejo Regional, a cotação mais frequente, de vitelo, 6 a 8 meses, cruzado Charolês, diminuiu, 0,15 €/kg Peso Vivo. Na área de mercado Évora, as cotações, mínima e máxima desde vitelo, diminuíram, 0,07 e 0,10, €/kg Peso Vivo mas, mas a cotação, mais frequente, aumentou 0,15 €/kg Peso Vivo. Na área de mercado, Estremoz, a cotação mínima deste vitelo, baixou, 0,05 €/kg Peso Vivo, mas a cotação mais frequente subiu, 0,10 €/kg Peso Vivo.

Exceto as referidas, houve manutenção de cotações de todos os produtos, em todas as áreas de mercado.

→ Aceda aqui às cotações ←

Cotações – Bovinos – 30 de agosto a 5 de setembro 2021

Comente este artigo
Anterior Cotações - Suínos - 6 a 12 de setembro de 2021
Próximo Consórcio português quer criar pós-graduação em “Tecnologias de Agricultura de Precisão”

Artigos relacionados

Comunicados

CIM – Viseu – Lafões marca reunião com CNA – BALAGRI e Lesados pelos JAVALIS.

Quinta-Feira , 12 Março, 2020 — às 14 h 30 – na Sede da CIM Viseu – Lafões, em Tondela. […]

Últimas

Cotações – Ovinos e Caprinos – 14 a 20 de junho 2021

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos borregos de 22-28 kg (-4 cêntimos / kg) e de >28 kg (-3 cêntimos / kg) voltaram a registar um ligeiro […]

Blogs

Disponíveis comunicações da conferência “Metas de Restauração da Natureza da UE: Ponto da situação e próximos passos”

O Intergrupo “Biodiversidade, Caça, Campo” do Parlamento Europeu acolheu esta terça-feira, 13 de abril, uma conferência de alto nível sobre “Metas de Restauração da Natureza da UE: Ponto da situação e próximos passos”, […]