Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 12 a 18 Outubro 2020

Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 12 a 18 Outubro 2020

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Aves

Na semana em análise registou-se um pequeno decréscimo da cotação média nacional do frango abatido (65% – de 1100 a 1300 g) e um ligeiro acréscimo da do peru abatido (80% – de 5,7 a 9,8 kg) em relação à semana anterior, respectivamente -2 e +3 cêntimos / kg. Estabilidade de cotações do frango vivo (de 1,8 kg) e do peru vivo (de 14 a 15 kg).

Na região da Beira Litoral, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta de frango foi média e a procura relativamente animada. A procura baixou um pouco em relação à semana anterior, principalmente do frango para churrasco. Descida de cotações do frango abatido das classes de peso de 1100-1300 g e de >1300 g (-5 cêntimos / kg nas cot. +freq.).

Estabilidade de cotações do frango do campo. Subida das cot. máx. e +freq. do peru abatido (+5 cêntimos / kg) e das cot. mín. e +freq. (+10 cêntimos / kg) da perna de peru. Acréscimo das cot. máx. e +freq. das galinhas vivas semipesadas (+5 cêntimos / kg), cuja oferta é escassa, uma vez que os produtores estão a mantê-las para terem ovos suficientes para o Natal.

Ribatejo e Oeste

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de frango foram médias. Estabilidade de cotações do frango e do peru, vivos e abatidos, de perna e peito de peru e ainda das galinhas vivas, pesadas e semipesadas.

Nota: 1) A partir da 1ª semana de 2020 as 2 Áreas de Mercado da Região da Beira Litoral – Dão-Lafões e Litoral Centro fundiram-se, dando origem à Área de Mercado da Beira Litoral. O mesmo aconteceu para as Áreas de Mercado de Dão-Lafões Gr. e Litoral Centro Gr., de cuja fusão resultou a Área de Mercado da Beira Litoral Gr. 2) Iniciou-se na semana 27 a recolha de cotações da perna e peito de peru nas duas regiões.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, na produção (ovo a peso de 60 a 68 g) e classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, registaram um ligeiro acréscimo em relação à semana anterior, respectivamente +1 cêntimo / kg e +2 cêntimos / dúzia.

Na região da Beira Litoral a oferta de ovo foi abundante e a procura animada nas duas áreas de mercado, Dão-Lafões e Litoral Centro. A procura manteve-se em relação à semana passada. Em Dão-Lafões a oferta de ovo das classes de peso S e M é abundante, a de ovo L é suficiente e a de ovo XL é escassa. A relação oferta-procura apresenta-se equilibrada, pois os produtores têm adequado a produção às necessidades da procura. No Litoral Centro está a sair ovo para o mercado externo.

No Litoral Centro ocorreram alguns ajustamentos de cotações em alta, +3 cêntimos / kg para o ovo a peso e +5 cêntimos / dúzia no caso dos ovos classificados, em cartão e ovotermo, de todas as classes de peso, S, M, L e XL.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de ovo foram médias e equilibradas. As cotações dos ovos, a peso e classificados, em cartão e ovotermo, de todas as classes de peso, não registaram quaisquer alterações.

Todas as cotações aqui.

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Proibição de feiras e mercados de levante volta a penalizar a Agricultura Familiar e o consumo de qualidade e proximidade
Próximo O que faz a Sonae Arauco com 100 mil sementes de pinheiro?

Artigos relacionados

Dossiers

Fogos: primeiros alimentos para animais chegam sexta-feira às zonas afectadas

Apoios só poderão ser atribuídos depois do levantamento dos prejuízos.

O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, anunciou esta quarta-feira que os primeiros carregamentos com alimento para animais chegam sexta-feira às zonas afectadas pelos incêndios na região Centro nos últimos dias. […]

Notícias meteorologia

Precipitação semanal e acumulada no ano hidrológico 2020/2021 – 3 de janeiro de 2021

Precipitação semanal e acumulada no ano hidrológico com origem em 3 redes de Estações Meteorológicas, do COTR, ARBVS e Agrotejo, para divulgação no Agroportal. […]

Nacional

Movimento pelo Tejo defende revisão da Convenção de Albufeira com caudais contínuos e regulares

Segundo o porta-voz da proTEJO, Paulo Constantino, a Convenção de Albufeira tem um caudal anual estipulado, mas apenas 37% desse caudal está […]