Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 1 a 7 Fevereiro 2021

Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 1 a 7 Fevereiro 2021

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Aves

Na semana em análise as cotações médias nacionais do frango, vivo (de 1,8 kg) e abatido (65% – de 1100 a 1300 g) e do peru, vivo (de 14 a 15 kg) e abatido (80% – de 5,7 a 9,8 kg), mantiveram-se novamente estáveis em relação à semana anterior.

Na região da Beira Litoral, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta de frango foi relativamente abundante e a procura foi média. A procura de frango para churrasco continua fraca, o que se agravou ainda com o encerramento de muitas churrasqueiras, devido às restrições decretadas no âmbito do estado de emergência. Pelo contrário, a procura de frango das classes de peso mais elevadas aumentou, principalmente com destino a Espanha.

Estabilidade de cotações do frango abatido de todas as classes de peso. Nova redução do frango do campo (-5 cêntimos / kg), devido à menor procura. Completa estabilidade das cotações da perna e peito de frango e de peru e do peru abatido. No que se refere às galinhas vivas, deu-se um acréscimo das pesadas (+5 cêntimos / kg) e estabilidade das semipesadas.

Ribatejo e Oeste

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de frango foram médias. Estabilidade de cotações, quer para o frango e peru, vivos e abatidos, quer para o peito e perna de frango e de peru, quer no caso das galinhas vivas, pesadas e semipesadas.

Nota: 1) A partir da semana 01 de 2020 as 2 Áreas de Mercado da Região da Beira Litoral – Dão-Lafões e Litoral Centro fundiram-se, dando origem à Área de Mercado da Beira Litoral. O mesmo aconteceu para as Áreas de Mercado de Dão-Lafões Gr. e Litoral Centro Gr., de cuja fusão resultou a Área de Mercado da Beira Litoral Gr. 2) Iniciou-se na semana 01 de 2021 a recolha de cotações da perna e peito de frango.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, na produção (ovo a peso de 60 a 68 g) e classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior; no caso dos ovos classificados há 14 semanas consecutivas.

Na região da Beira Litoral a oferta de ovo foi abundante nas duas áreas de mercado, Dão-Lafões e Litoral Centro. A procura foi relativamente fraca em Dão-Lafões e média no Litoral Centro, tendo melhorado um pouco nesta última área.

A procura é inferior ao normal para esta época do ano, o que se deve às restrições ao canal Horeca no confinamento e ainda ao fecho das cantinas escolares. Apesar das medidas adotadas por muitos produtores para escoar e reduzir a produção, começa a haver algum stock. Completa estabilidade de cotações dos ovos, a peso e classificados.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de ovo foram médias e equilibradas. Muitos produtores estão a reduzir os seus bandos para diminuir a produção. A procura de ovo em cartão continua muito reduzida. Por outro lado, aumentou a procura por parte das grandes superfícies. As cotações dos ovos, a peso e classificados, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior.

Nota: Iniciou-se na semana 04 de 2021 a recolha de cotações dos ovos de solo (classes de peso M e L) e dos ovos de ar livre (classe M/L), pelo que os ovos que se acompanhavam até esta altura passaram a designar-se ovos de gaiola. As áreas de mercado para os novos produtos são Beira Litoral Gr. e Ribatejo e Oeste Gr.

Todas as cotações aqui.

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Regantes europeus apresentam prioridades do regadio à Presidência Portuguesa da UE
Próximo Cotações – Suínos – Informação Semanal – 1 a 7 Fevereiro 2021

Artigos relacionados

Últimas

Preço do azeite vai aumentar por causa dos incêndios

Mais de metade do olival tradicional ardeu com os fogos deste fim de semana. O preço vai subir garante a CNA, […]

Comunicados

ACOS defende “Uma Só Saúde” e está contra o desmantelamento da DGAV

A ACOS – Associação de Agricultores do Sul, tendo em conta os desenvolvimentos recentes relativamente a assuntos de saúde e bem-estar […]

Nacional

Regadio da Camba reabilitado garante água já no Verão em Alfândega da Fé

O renovado regadio da barragem da Camba vai garantir água para regar, já neste verão, a mais de 150 agricultores de Alfândega da Fé, após um […]