Cotações – Aves e Ovos – 5 a 11 de julho 2021

Cotações – Aves e Ovos – 5 a 11 de julho 2021

Aves

Na semana em análise as cotações médias nacionais do frango, vivo (de 1,8 kg) e abatido (65% – de 1100 a 1300 g) e do peru, vivo (de 14 a 15 kg) e abatido (80% – de 5,7 a 9,8 kg) mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior.

Na região da Beira Litoral, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta de frango foi relativamente abundante e a procura relativamente animada. A procura melhorou um pouco em relação à semana passada, por se tratar da primeira semana do mês e do início de férias para muitas pessoas. Este aumento foi mais sentido no caso do frango para churrasco. Apesar disso, as cotações não registaram quaisquer alterações em relação à semana anterior, uma vez que a oferta é suficiente.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta de frango foi média e a procura foi relativamente animada. Estabilidade generalizada de cotações para o frango e para o peru, vivos e abatidos e suas peças.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, na produção (ovo a peso de 60 a 68 g) e classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior, pela 17ª semana consecutiva.

Na região da Beira Litoral a oferta foi média e a procura relativamente animada nas duas áreas de mercado, Dão-Lafões e Litoral Centro. A procura voltou a apresentar esta semana uma ligeira melhoria com a aproximação do período de férias, nomeadamente a destinada à restauração e pastelaria, apesar do aumento dos casos de Covid19. Os produtores estão a adotar medidas de controlo da produção, como os vazios sanitários. No Litoral Centro estão também a decorrer algumas exportações. A oferta continua a ser suficiente nas duas áreas. Estabilidade de cotações dos ovos de gaiola a peso e classificados, em cartão e ovotermo de todas as classes de peso. A oferta de ovos classificados de solo e de ar livre foi relativamente fraca e a procura foi média e as cotações continuaram a manter-se estáveis.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de ovo foram médias. A situação atual é de alguma instabilidade. Apesar disso, as cotações dos ovos de gaiola (a peso e classificados) e dos ovos classificados de solo e ar livre mantiveram-se estáveis.

→ Aceda aqui às cotações ←

Comente este artigo
Anterior In Loco abre novo concurso de apoio para pequenos investimentos agrícolas
Próximo Cotações – Coelhos – 5 a 11 de julho 2021

Artigos relacionados

Nacional

Batida à raposa em Quiaios. Nem os caçadores caçaram, nem os manifestantes protestaram

“Correu tudo sem incidentes, de forma ordeira e sem confrontos. [Os manifestantes] só falaram com a GNR, foi mais uma sessão de esclarecimento das suas posições”, […]

Dossiers

Presidente da República vai a Santarém inaugurar a Feira Nacional de Agricultura

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, inaugura este sábado, 8 de Junho, pelas 12 horas, a 56.ª Feira Nacional de Agricultura/66.ª Feira do Ribatejo, […]

Últimas

Presidente angolano garante que dívidas a empresas portuguesas são para pagar

Em entrevista à RTP, em Luanda, na véspera do início da visita de Estado a Angola do Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, […]