Corteva Agriscience™ lança em Portugal um novo produto anti-míldio para a vinha: Zorvec™ Zelavin ® VEL

Corteva Agriscience™ lança em Portugal um novo produto anti-míldio para a vinha: Zorvec™ Zelavin ® VEL

Um produto inovador que proporciona uma combinação única e consistente no controlo do míldio, que pode ser usada durante toda a campanha para ajudar a obter uma colheita melhor, mesmo sob as condições mais difíceis.

A composição deste produto é baseada na revolucionária matéria ativa Zorvec Active cujo lançamento foi considerado um grande avanço no sector da proteção de culturas.

A Corteva Agriscience™, empresa líder no setor agrícola em tecnologia aplicada a sementes, proteção de culturas e agricultura digital, acaba de lançar no mercado português o primeiro produto à base de Zorvec™active, matéria ativa aprovada pela UE em 2017, que é por sua vez o primeiro membro da nova classe química de piperidinyl thiazol isoxazolina (FRAC 49). 

Zorvec™ Zelavin® VEL oferece uma combinação única de longa duração e consistência no controlo do míldio. Devido ao seu comportamento sistémico ascendente protege as folhas à medida que estas crescem e se expandem, incluindo folhas que têm menos de 20% do seu tamanho final no momento da aplicação, garantindo inclusivé a proteção de novos rebentos mesmo que não tenham sido tratados.

O Zorvec Zelavin VEL posiciona-se como uma solução eficaz e consistente no controlo do míldio nos momentos de máxima sensibilidade à doença e em períodos críticos como a floração. Com um bloco de duas aplicações consecutivas proporciona até 28 dias de proteção.

Destaca-se igualmente pela flexibilidade na aplicação. Zorvec Zelavin VEL proporciona uma proteção frente ao míldio em combate preventivo, possuindo igualmente ação curativa. Esta performance preventiva-curativa garante a proteção quando as condições climatéricas provocam um atraso na aplicação. 

O Zorvec Zelavin VEL é absorvido rapidamente, estando a vinha protegida em caso de ocorrência de chuva 20 minutos após aplicação. Isto permite reduzir a necessidade de novas aplicações ou aplicações não programadas.

Com o Zorvec ™ Zelavin® VEL entra no mercado português uma solução de ação bioquímica completamente nova, que produz múltiplos efeitos no ciclo de vida do fungo e que não apresenta resistência cruzada com os restantes fungicidas anti-míldio do mercado. Além disso, possui um ótimo perfil meio ambiental e de segurança para o operador.

Rafael Pérez, Category Manager de Fungicidas da Corteva Ibéria, destaca a importância desta novidade para o setor e sobretudo para o benefício direto do agricultor: “Zorvec ™ Zelavin® VEL é um produto revolucionário que melhora radicalmente as estratégias de combate a um dos principais problemas da vinha, contribuindo significativamente para a rentabilidade da colheita “.

Por outro lado, Clara Serrano, Marketing Leader EMEA da Corteva, acrescenta: “O modo de ação do Zorvec ™ Zelavin® VEL representa uma mudança nas regras do jogo ao proporcionar um controlo que até agora nenhum outro produto conseguiu alcançar e com doses reduzidas de ingrediente ativo”.

Em suma, o Zorvec™ Zelavin® VEL reúne características que são muito apreciadas pelos viticultores, tais como: uma elevada eficácia no controlo do míldio, consistência no controlo, máxima proteção da vinha nos momentos de maior sensibilidade à doença e selectividade da cultura. Desta forma, garante a máxima qualidade da colheita e posiciona-se como uma excelente ferramenta para otimizar a gestão da exploração, podendo ajudar a reduzir custos operacionais.

A Corteva trabalha a nível técnico, agronómico e regulatório para oferecer aos agricultores europeus soluções adaptadas às suas necessidades. Com o lançamento do Zorvec ™ Zelavin VEL, a Corteva, a única empresa 100% agrícola cotada em bolsa, reafirma o seu compromisso de facilitar o trabalho de campo dos viticultores, fornecendo uma solução inovadora para uma gestão eficaz no controlo do míldio e na gestão das resistências.

Comente este artigo
Anterior Doenças |Descoberto gene que permite produzir trigo resistente a fungo altamente destruidor  
Próximo Zoológicos pedem ajuda ao Ministério da Agricultura. "Por um ou dois meses ainda aguentamos o barco"

Artigos relacionados

Nacional

Agricultores da Cova da Beira continuam à espera de apoios prometidos em maio

A Associação de Agricultores do distrito de Bragança lembra que o granizo destruiu grande parte das culturas da região. Reclamam resposta urgente […]

Sugeridas

Agroglobal News Nr 4 – Maio

Consulte as notícias e as entrevistas do mês de Abril levadas a cabo pela organização da feira Agroglobal.

Nacional

7ª Acção de Demonstração do GO CSBerries

Destaque Home, Notícias

O projecto GO-CompetitiveSouthBerries, que tem o objectivo de desenvolver e demonstrar tecnologias de produção inovadoras, […]