Concurso de Vinhos do Crédito Agrícola leva provas cegas a Peso da Régua

O Crédito Agrícola vai promover no próximo dia 19 de Outubro, entre as 9 e as 13 horas, a Prova Cega dos vinhos inscritos no 6.º Concurso de Vinhos do Crédito Agrícola.

A prova irá decorrer no AUDIR — Auditório Municipal do Peso da Régua – Cidade do Vinho 2019, em parceria com a Associação dos Escanções de Portugal.

250 vinhos a concurso

São cerca de 250 vinhos a concurso, de 140 produtores de várias regiões vitivinícolas do País, que serão avaliados por um painel composto por reconhecidos enólogos, escanções nacionais e internacionais, entre os quais Andres Rosberg, actual presidente da ASI – Association de La Sommellerie Internationale e jornalistas da especialidade.

Com a realização da 6.ª edição desta iniciativa, o Grupo Crédito Agrícola “continua a afirmar o seu apoio ao sector vitivinícola e ao desenvolvimento das economias locais, especialmente as cooperativas e os produtores, promovendo e colocando à prova a qualidade dos vinhos nacionais”, refere uma nota de imprensa do Crédito Agrícola.

Regras

Só são aceites a concurso os vinhos que cumpram a legislação nacional e comunitária em vigor. Cada produtor apenas poderá submeter a concurso um vinho de cada categoria (1 vinho branco, 1 vinho tinto e 1 espumante).

Os vinhos admitidos a concurso devem corresponder a um único lote homogéneo proveniente, no momento do engarrafamento, do mesmo depósito, devendo estar disponíveis para o mercado, pelo menos, 1.000 litros.

Mais informações e Regulamento do Concurso aqui.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior ARBCAS - Sistemas de mediação em canais
Próximo Projeto-piloto testa agricultura urbana em Bruxelas

Artigos relacionados

Últimas

MechSmart Forages é o projeto de ‘I&D que marca’

Mecanização da produção de forragens sob o trinómio Agronomia – Ambiente – Energia é o propósito do projeto MechSmart Forages, que venceu o prémio ‘I&D que marca’. […]

Sugeridas

A agricultura e os fundos comunitários

Sem os mecanismos de compensação da PAC, as oscilações nos preços dos produtos alimentares seriam frequentes e significativas, com óbvios impactos na estabilidade orçamental das famílias. […]

Nacional

França fará a sua própria avaliação do acordo do Mercosul com a União Europeia

O ministro dos Negócios Estrangeiros de França, Jean-Yves Le Drian, disse hoje que o Governo francês fará sua própria avaliação do acordo assinado pelo Mercosul e pela União Europeia (UE) antes de anunciar uma posição sobre o assunto. […]