Comunicado da Cooperativa Capital dos Frutos Silvestres

Comunicado da Cooperativa Capital dos Frutos Silvestres

A Cooperativa Capital dos Frutos Silvestres após ser interpelada por alguns dos seus agricultores,

Manifesta o seu desagrado por o Ministério da Agricultura andar a negociar o novo quadro 2020, quando ainda estão os projetos da medida 3.1.1. (Jovens Agricultores) de Junho de 2017 por decidir e quando o novo período de candidaturas foi “enviado” para depois de Maio de 2018. É impossível querer que os jovens e os agricultores em geral possam apostar na terra, quando os investimentos ficam pendentes por problemas e decisões burocráticas.
É demais evidente que na agricultura, quando uma colheita não é feita na sua devida altura, já não pode ser realizada no mesmo ano, ou mesmo sendo realizada no mesmo ano, a colheita será para o ano seguinte.
Também existem agricultores com dificuldades relativamente ainda aos Incêndios de Outubro, pois ao assinarem os projetos do 6.2.2., perdem os apoios à primeira instalação, o que não é justo depois de perderem o que tinham na Agricultura, também se vêm privados no futuro de se candidatarem.
No caso dos concelhos de Oliveira do Hospital e Tábua, os mesmos não são considerados zonas de montanha, o que inviabiliza muitas candidaturas em detrimento de outros concelhos com muito menos altitude. Achamos que deve ser reposta a verdade e que as candidaturas sejam corrigidas.
Foi-nos relatado por um produtor em Idanha-A-Nova que perdeu a produção de 4 ha de Amora, devido ao temporal de Março e não pode receber ajudas por não estar no Algarve. As mesmas medidas de apoio devem ser abertas a quem teve comprovadamente prejuízos derivado às condições climatéricas verificadas. Essas medidas estão abertas para ajudas decorrentes da tempestade mais 12 dias para o Algarve.
Por isso achamos que o Ministério da Agricultura deve olhar para a Agricultura da região Centro como olha para a do Alentejo.

Comente este artigo
Anterior Oferta de Emprego - Comercial de Tractores e Máquinas Agrícolas (M/F) - Nacional
Próximo CDS quer que Governo planeie gestão e compatibilização dos diversos usos da água no Alqueva

Artigos relacionados

Dossiers

PS sob fogo do PSD e CDS por causa dos fundos comunitários

O eventual corte de 7% no próximo quadro financeiro plurianual foi um dos temas centrais do primeiro debate televisivo com os candidatos às eleições europeias, […]

Últimas

LiveSeed avança com ensaios de selecção e de avaliação de variedades tradicionais de milho em Terras do Sousa

A equipa da Escola Superior Agrária do Politécnico de Coimbra (ESAC-IPC), cujo investigador responsável é o Professor Pedro Mendes-Moreira, a Ader- […]

Comunicados

Ministra da Agricultura recebe CAP

No dia 14 de Novembro, a Direção da CAP deslocou-se ao Ministério da Agricultura para uma primeira reunião de trabalho […]