Comandante da Proteção Civil destaca reforço de capacidade de combate a incêndios este ano

Comandante da Proteção Civil destaca reforço de capacidade de combate a incêndios este ano

O Comandante Nacional de Emergência e Proteção Civil disse hoje que “a grande diferença” entre o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) para este ano reside no reforço das capacidades do dispositivo.

“Tem sido de facto, esta a diferença em relação ao ano passado (DECIR 2020), ou seja, o reforço das capacidades do dispositivo”, afirmou André Macedo Fernandes, destacando o reforço com mais 200 operacionais na fase mais critica (01 de julho a 30 de setembro) e a aposta na melhoria das ferramentas de apoio à decisão operacional.

“Acima de tudo, o desenvolvimento destas ferramentas no apoio à decisão operacional, garante a capacidade de coordenação, comando e controlo das missões atribuídas aos diferentes agentes que estão envolvidos nesta missão de combate aos incêndios rurais. Temos conseguido fazer essa diferença e vamos manter”, disse André Macedo Fernandes à margem da apresentação do DECIR 2021, que decorreu no aeródromo das Moitas, em Proença-a-Nova, no distrito de Castelo Branco.

O Comandante Nacional de Emergência e Proteção Civil destacou ainda a formação dos agentes e dos operacionais envolvidos.

“Já conseguimos dar mais capacitação, em termos de formação e de treino operacional, a mais cerca de cinco mil operacionais. E tem sido, de facto, esta diferença em relação ao ano passado, ou seja, o reforço das capacidades do dispositivo”, concluiu.

Comente este artigo
Anterior Governo garante que funcionamento do SIRESP está salvaguardado
Próximo Forças Armadas colocam no terreno novo conceito de Apoio Militar à Emergência Civil

Artigos relacionados

Nacional

Área Demarcada para a Xylella fastidiosa foi redefinida após novas deteções

Na sequência da primeira deteção da presença da bactéria Xylella fastidiosa subsp. multiplex (janeiro 2019) numa sebe ornamental de Lavandula dentata, em Vila Nova de Gaia, […]

Nacional

Governo dos Açores prorroga até 31 de dezembro prazo para apresentação de pedidos de apoio à cessação da atividade agrícola

A Secretaria Regional da Agricultura e Florestas informa que foi prorrogado até 31 de dezembro o prazo para apresentação de pedidos de apoio ao novo regime de cessação de atividade agrícola nos […]

Últimas

Governo investe nove milhões de euros em material para a limpeza das florestas

Facebook
Twitter
Google+
Pinterest
WhatsApp


O ministro da Agricultura anunciou um investimento de nove milhões de euros para a aquisição de equipamento pesado para a limpeza de faixas de proteção florestal e, […]