CAP e Pingo Doce renovam compromisso de pagamento aos produtores por mais 36 meses

CAP e Pingo Doce renovam compromisso de pagamento aos produtores por mais 36 meses

[Fonte: CAP] O Pingo Doce vai prolongar por mais 36 meses a medida extraordinária, criada em 2012, de antecipação de pagamento aos produtores nacionais para uma média de 10 dias.

O acordo agora firmado prolonga por três anos a medida extraordinária de antecipação de pagamento aos produtores nacionais para uma média de 10 dias, sendo que até aqui a medida vigorava por 12 meses.

Esta iniciativa entre a CAP e o Pingo Doce, em vigor desde 2012, consiste na antecipação para uma média de 10 dias e sem custos financeiros para o produtor, do prazo de pagamento praticado pelo Grupo.

Na sua origem está a intenção de apoiar os produtores nacionais do sector agrícola com que trabalha e que são membros da Confederação dos Agricultores de Portugal.

A medida agora renovada entrou em vigor no dia 1 de Maio de 2019.

Comente este artigo
Anterior Edição de genoma em debate na Feira Nacional de Agricultura
Próximo Alqueva recebe missão empresarial

Artigos relacionados

Dossiers

De ACOR a la PAC

Mientras en Bruselas se ha constatado ya que la votación en el pleno del Parlamento Europeo sobre la Política Agrícola Común del futuro no tendrá […]

Nacional

Como nos alimentaremos em 2050 – António Lopes Dias

A dicotomia forçada entre a chamada agricultura “biológica” e “convencional” levam o consumidor a acreditar que existe uma agricultura boa e uma menos boa, […]

Dossiers

Estabilidad en los corderos pese al desplome de la demanda


Los precios de los corderos se mantienen estables, pero sin muchas expectativas de recuperación, ante la casi absoluta ausencia de la demanda interna y el lento discurrir de las exportaciones. […]