CAP e Pingo Doce renovam compromisso de pagamento aos produtores por mais 36 meses

CAP e Pingo Doce renovam compromisso de pagamento aos produtores por mais 36 meses

[Fonte: CAP] O Pingo Doce vai prolongar por mais 36 meses a medida extraordinária, criada em 2012, de antecipação de pagamento aos produtores nacionais para uma média de 10 dias.

O acordo agora firmado prolonga por três anos a medida extraordinária de antecipação de pagamento aos produtores nacionais para uma média de 10 dias, sendo que até aqui a medida vigorava por 12 meses.

Esta iniciativa entre a CAP e o Pingo Doce, em vigor desde 2012, consiste na antecipação para uma média de 10 dias e sem custos financeiros para o produtor, do prazo de pagamento praticado pelo Grupo.

Na sua origem está a intenção de apoiar os produtores nacionais do sector agrícola com que trabalha e que são membros da Confederação dos Agricultores de Portugal.

A medida agora renovada entrou em vigor no dia 1 de Maio de 2019.

Comente este artigo
Anterior Edição de genoma em debate na Feira Nacional de Agricultura
Próximo Alqueva recebe missão empresarial

Artigos relacionados

Comunicados

Produtores de milho preocupados com decisões políticas que penalizam o sector

A ANPROMIS manifestou ao Ministro da Agricultura, ontem em Coruche, preocupação com a proposta da Comissão Europeia…

Nacional

TERRAPRO desmistifica agricultura de precisão em dia de campo

Num dia de campo realizado em Samora Correia, a 21 de Setembro, a TERRAPRO demonstrou a cerca de 100 agricultores e técnicos que as novas tecnologias – imagens aéreas multiespectrais das parcelas agrícolas, sondas de monitorização do teor de humidade no solo, mapas de condutividade elétrica do solo e aplicação diferenciada de rega – estão hoje mais acessíveis, […]