Azeite alentejano ruma à Escandinávia

Azeite alentejano ruma à Escandinávia

O Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo (CEPAAL), organização que representa 28 produtores de azeite alentejanos, vai voar para a Dinamarca e para a Suécia para promover as qualidades do azeite nacional.

Esta viagem prevê várias ações promocionais, nomeadamente provas técnicas e um jantar de harmonização com distribuidores, retalhistas, jornalistas e chefs, assim como degustações com consumidores locais, em lojas delicatessen de Copenhaga e Estocolmo.

“Verde ou maduro? Muito ou pouco picante? Estas vão ser algumas das questões colocadas a dinamarqueses e suecos, consumidores exigentes, com elevado poder de compra e cada vez mais disponíveis para experimentarem os sabores e produtos da dieta mediterrânica. A título de exemplo, em 2016, o consumo de azeite na Suécia atingiu 1 kg per capita, cinco vezes mais do que dez anos antes – embora este possa parecer um valor modesto para os consumidores portugueses, cujo consumo per capita de azeite ronda 7 kg”, explica a CEPAAL.

Mariana Teles Branco, responsável de marketing e qualidade do CEPAAL, sublinha que “com uma gastronomia que utiliza laticínios como base, os consumidores nórdicos só agora estão a descobrir os benefícios do consumo do azeite. Cada vez mais, estão a importar os hábitos alimentares da Europa do Sul, pelo que este é o momento certo para lhes dar a conhecer o melhor azeite do Alentejo, região responsável por cerca de 80% da produção nacional. Acreditamos que, no futuro próximo, a Dinamarca e a Suécia serão mercados muito importantes para o Azeite do Alentejo”.

Recentemente, o Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo promoveu também ações promocionais nos Estados Unidos da América, no Canadá e na Alemanha. A escolha da Dinamarca e da Suécia para novas ações promocionais prende-se com o facto de terem sido identificados pelos produtores associados do CEPAAL como “mercados estratégicos de exportação”. Em 2018, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), Portugal exportou 454 mil euros de azeite para a Escandinávia, o que equivale a apenas 0,08% do total das exportações portuguesas de azeite (perto de 579 milhões de euros).

O artigo foi publicado originalmente em Vida Rural.

Comente este artigo
Anterior Azeite do Alentejo quer seduzir mercados da Escandinávia
Próximo «A alimentação nunca foi tão segura como é na atualidade»

Artigos relacionados

Últimas

INNOACE divulga Manual de Boas Práticas Agrícolas com Imagens de Satélite 

O INNOACE, projeto cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa INTERREG V-A Espanha – Portugal (POCTEP) 2014-2020 da Comissão Europeia, […]

Sugeridas

ICNF corrige emissão de licenças de espantamento de aves com arma de fogo

ICNF aprovou a alteração da autorização de espantamento de aves com arma de fogo, para utilização em terrenos cinegéticos ordenados […]

Notícias apoios

Governo altera regras de aplicação dos fundos europeus estruturais de investimento

“Os governos regionais dos Açores e da Madeira e a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) participam nos trabalhos da CIC [Comissão Interministerial de Coordenação] Portugal 2020, […]