As universidades como fonte de inovação e empreendedorismo – Nuno Medeiros Carrapatoso

As universidades são um dos melhores instrumentos para empoderar os jovens, que, sem regalias, sem privilégios e sem poder, podem encontrar no conhecimento o elixir para realizar os seus sonhos.

Fundada em 1918, a Wageningen University & Research (WUR) é considerada a melhor instituição de investigação agrícola e ambiental do mundo. A WUR, também conhecida como Food Valley, para além da componente puramente pedagógica, é composta por um conjunto de empresas tecnológicas e explorações agrícolas experimentais que põem em prática diversos projetos inovadores para o setor agrícola e científico.

Considerada a melhor universidade da Holanda, a WUR é pioneira nas áreas das ciências da vida, alimentação saudável, ambiente, agricultura e florestas, tendo como missão explorar o potencial da natureza para melhorar a qualidade de vida. Prova do seu posicionamento vanguardista é o facto de ter atingido a neutralidade carbónica em 2015.

Superando todas as suas limitações geográficas, foram investimentos como a WUR que fizeram da Holanda o maior exportador europeu de produtos agrícolas e um dos maiores centros de atração de talento e empreendedorismo, fatores críticos para a inovação e crescimento económico das nações.

No outro lado do Atlântico, a Universidade de Stanford, fundada em 1890, tem atualmente um orçamento anual para a educação e investigação de quase 7 mil milhões de dólares, ou seja, metade do valor que Portugal espera receber a fundo perdido no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência.

Mas nem sempre foi assim. Depois da Segunda Guerra Mundial, a universidade carecia de fundos para conseguir servir uma procura crescente. Como resposta, o reitor Frederick Terman, considerado o Pai de Silicon Valley, propôs a criação do Stanford Industrial Park, onde se passou a alugar terras a empresas tecnológicas.

Se a Califórnia é hoje o estado mais rico dos EUA, parte dessa riqueza advém do famoso Silicon Valley e das suas empresas, muitas delas formadas por

Continue a ler este artigo no Observador.

Comente este artigo
Anterior Governo duplica para 20 ME apoio para instalação de jovens agricultores
Próximo Previsão - Frio intenso

Artigos relacionados

Últimas

Candidaturas abertas ao Prémio ADVID 2019

Estão abertas até 31 de maio as candidaturas ao Prémio ADVID para os trabalhos publicados em 2019 em áreas científicas com relevante […]

Últimas

Fonseca compra armazém à Sogrape para ter caves e visitas em Gaia

A Fonseca desceu o Douro, da Quinta do Panascal até ao centro histórico de Vila Nova de Gaia, para abrir um novo espaço de enoturismo com cerca de dois mil metros quadrados, […]

Últimas

Oliana a variedade do Azeite Biodinâmico

“A agricultura biodinâmica vai além dos métodos difundidos, pois proíbe o uso de tratamentos com produtos químicos sintéticos e presta muita […]