Alterações Climáticas e Viticultura trazem especialistas europeus à UTAD

Alterações Climáticas e Viticultura trazem especialistas europeus à UTAD

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) vai receber especialistas de organismos europeus especializados em alterações climáticas e viticultura na Europa. Trata-se da conferência Clim4Vitis – Climate change impact mitigation – que terá lugar no edifício de laboratórios, de 18 a 20 de fevereiro.

O Clim4Vitis é um projeto H2020 Twinning na área da viticultura e alterações climáticas e pretende consolidar parcerias internacionais e disseminar informação relativa a estas temáticas junto dos stakeholders nacionais na área da vitivinicultura.

Este projeto é coordenado pela UTAD, em consórcio com o Potsdam Institut fuer Klimafolgenforschung (PIK); a Universita degli studi di Firenze (UNIFI); o Luxembourg Institute of Science and Technology (LIST); e a Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI), e o objetivo é juntar o know-how destas instituições lideres europeias e promover a transferência de conhecimento, assim como medir e avaliar os impactos das alterações climáticas na viticultura europeia.

Durante três dias os interessados poderão ter contacto com especialistas de referência na viticultura e alterações climáticas, destacando-se a conferência do dia 19 à tarde que terá como oradores José Roquete da Esporão, Hans Schultz da Geisenheim University – Alemanha; Benjamim Bois da Universidade de Burgundy – França; Inaki Cortazar do INRA – França; e João Santos da UTAD.

Esta conferência inclui um workshop no dia 18 que visa fornecer uma visão geral de diferentes abordagens de última geração de modelação de videira e abordará a fenologia, o crescimento, pragas e doenças da videira sob diferentes condições ambientais; e no dia 20 um curso de formação avançado dedicado às alterações climáticas e à viticultura, que irá fornecer informação sobre as melhores práticas com valor agregado ao setor.

Esta conferência é organizada pelo CITAB/UTAD, tem entrada livre e gratuita, sujeita a inscrição, e dirige-se a estudantes, investigadores, produtores, empresas e demais interessados nestas temáticas.

Mais informações aqui.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Sessões de esclarecimento PU2019
Próximo Brasil lança duas novas cultivares de uvas

Artigos relacionados

Últimas

Elvas. GNR detêm dois homens por crime de caça em terreno não ordenado

O Comando Territorial de Portalegre, através do Núcleo de Protecção Ambiental do Destacamento Territorial de Elvas, ontem, dia 19 de Dezembro, […]

Últimas

Exclusivo RC: Capoulas Santos faz balanço do mandato como Ministro da Agricultura (c/som)

[Fonte: Rádio Campanário] Luís Capoulas Santos, ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, esteve aos microfones da Rádio Campanário a fazer um balanço do mandato que termina no próximo dia 6 de outubro. […]

Últimas

Área de eucalipto vai diminuir em Portugal, garante secretário de Estado das Florestas

Governante deixou promessa no Parlamento, numa audição para a Comissão de Agricultura e Mar. Na semana passada, os ambientalistas da Quercus denunciaram que os novos programas regionais de Ordenamento Florestal privilegiam a plantação de eucaliptos
A área de eucalipto vai diminuir em Portugal, […]