Agrobio lança inquérito online sobre agricultura biológica

Agrobio lança inquérito online sobre agricultura biológica

“Inquérito à produção, transformação, distribuição e consumo em agricultura biológica” é uma iniciativa online promovida pela Agrobio – Associação Portuguesa de Agricultura Biológica. A entidade indica que este inquérito online é «dirigido aos consumidores, agricultores, transformadores/preparadores e distribuidores de alimentos biológicos» e que visa «saber quais os principais problemas que os vários operadores continuam a sentir».

A Agrobio salienta que, «num tempo em que se procura cada vez mais alimentos autênticos, plenos de saúde e produzidos em respeito pelo ambiente, mas que em simultâneo políticas públicas como o Pacto Ecológico Verde (Green Deal), a Estratégia da Quinta ao Prato (Farm to Fork) e o Roteiro para a Neutralidade Carbónica (2050), apontam cada vez mais o caminho da agricultura biológica, enfrentamos muitos obstáculos que importa ultrapassar». O “Inquérito à produção, transformação, distribuição e consumo em agricultura biológica” está disponível aqui.

O artigo foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores.

Comente este artigo
Anterior CDS questiona tutela sobre valores dos apoios a produtores afetados pelas tempestades de maio
Próximo Herculano contraria tempos de crise e conquista novo mercado

Artigos relacionados

Últimas

Agricultores do Mondego exigem que Governo assuma realização de obra de regadio

A Associação Distrital dos Agricultores de Coimbra (ADACO) exigiu hoje que o Governo assuma a responsabilidade de executar uma obra de regadio, […]

Últimas

Direção da PORTUGAL INSECT

“Estamos solidamente convictos de que os insetos vieram para ficar quer na alimentação humana quer na animal”
A Associação Portuguesa de Produtores e Transformadores de Insetos – PORTUGAL INSECT – surge quando os três fundadores (Entogreen, […]

Nacional

Setor agroalimentar é dos mais ameaçados pela automação

A produção agroalimentar é o setor em que os trabalhadores serão mais ameaçados pela automação, revela o Workmonitor da Randstad. […]