A mais recente campanha da EFSA intitula-se “A UE e a minha alimentação”

A mais recente campanha da EFSA intitula-se “A UE e a minha alimentação”

Assegurar saúde e segurança na produção de alimentos é uma constante preocupação dos produtores, e não é novidade. O tema da segurança alimentar visto pelos olhos do consumidor também não. O que torna esta nova campanha da EFSA tão interessante, e sobretudo válida, é exatamente a clareza com que se fala de ambos os temas como um só. A relação é óbvia e o benefício é comum.

Dos principais pressupostos desta campanha o que nos une é: “Todos adoramos comer” e “A Alimentação faz parte da nossa identidade”. Estes são, e assim devem continuar, os pontos de partida para conversas entre as famílias que consomem os alimentos e as que os produzem, e cujo objetivo comum é promover uma alimentação segura e nutritiva.

A campanha surge pela necessidade de reforçar que a Europa está unida no processo de certificar segurança nos alimentos que colocamos nas nossas mesas. Para além da Europa ter um dos mais elevados padrões de segurança alimentar do mundo, a preocupação com a sustentabilidade é uma constante na produção dos nossos alimentos. Trata-se de preservar o ambiente – o solo, a água e o ar – que sustenta as culturas das quais provém uma grande parte daquilo que comemos. É um ciclo que se respeita e a população tem de saber disso.

Curiosamente, a 2ª edição do Fórum Smart Farm, da ANIPLA, teve como tema central os “Mitos na Alimentação” onde o tópico da segurança foi dos mais abordados e reforçados pelos produtores e profissionais presentes.

O novo filme da campanha traz o tema e a comida à mesa das famílias. Trata-se de reposicionar o papel da alimentação das nossas vidas para além de um simples elemento de sobrevivência, conferindo-lhe valor cultural, parte da nossa tradição e consequentemente parte única das nossas melhores recordações.

Os alimentos são SEGUROS e a nossa alimentação faz BEM.

Assista ao vídeo ⬇️

O artigo foi publicado originalmente em Anipla - fitotema.

Comente este artigo
Anterior Henrique S. Ferreira candidato do PSD em Beja
Próximo Promoção de kiwis de Portugal nos voos da TAP

Artigos relacionados

Blogs

Mosca da Casca Verde da Noz (Rhagoletis completa)

A mosca da casca verde da noz é originária da América do Norte. Está classificada como organismo de quarentena na Europa. Foi identificada […]

Formações

Agroflorestágio: Imersão em agrofloresta de sucessão – 12 março – Pedrogão Grande

[Fonte: Reflorestar Portugal]
Em 2019 a Reflorestar Portugal organizará apenas esta formação intensiva em Agrofloresta de Sucessão, […]

Dossiers

Oferta de estágio – Greenkeeper Assistente – Engenheiro Agrónomo ou Florestal – Cascais

Reportando ao Greenkeeper, tem como função assistir o mesmo nas tarefas de manutenção do campo de golfe. […]