A FENADEGAS defende desde a primeira hora a Destilação de Crise para o Setor do Vinho

A FENADEGAS defende desde a primeira hora a Destilação de Crise para o Setor do Vinho

Tal como divulgado, na sequência do inquérito que a FENADEGAS lançou a todas as Adegas Cooperativas do país, uma das medidas propostas para equilibrar o mercado do vinho, entre outras, foi a DESTILAÇÃO de CRISE com preço mínimo de mercado garantido, medida prevista na OCM Vitivinícola para situações imprevistas e de graves perturbações de mercado.

Em boa hora constatamos que França e outros países produtores Europeus apoiam e reivindicam esta posição, tendo solicitado desde já à Comissão Europeia a aprovação e definição da medida.

A FENADEGAS congratula-se com esta tomada de posição e considera ser este movimento indispensável e essencial para o equilíbrio do mercado do vinho em Portugal e na Europa, para a defesa dos nossos viticultores, empresas e cooperativas.

Para que se possa alcançar esse equilíbrio, será importante que a Destilação abranja os Vinhos IG (Indicação Geográfica) e DOP (Denominação de Origem Controlada), dado a quebra de venda se verificar em todos os segmentos.

Comente este artigo
Anterior Newsletter Agriculture & Innovation | Edição 80 | abril 2020
Próximo Grão-de bico transformado em snack vegan

Artigos relacionados

Dossiers

Oferta de emprego – Responsável de Produção Agrícola (M/F) – Santarém

A Empresa Joint Venture com participação portuguesa e Irlandesa, criada em 2016 pretende admitir responsável de produção agrícola.

Sugeridas

Suinicultura responsável por 0,34% das GEE em Portugal

A suinicultura é responsável por 0,34% do total das emissões de gases com efeito de estufa (GEE) em Portugal, sendo o setor da pecuária responsável por cerca de 5,25%. Os dados são do Inventário […]

Últimas

Em agosto não esqueça a Declaração de Existências de Suínos

No mês de agosto, decorre mais um período obrigatório de Declarações de Existências de Suínos (DES),conforme Aviso PCEDA (Plano de Controlo e Erradicação da Doença de Aujeszky), […]