1ª Edição do Mondego Agrícola 2017 Feira das Culturas

1ª Edição do Mondego Agrícola 2017 Feira das Culturas

No passado dia 7 de setembro, realizou-se a 1ª edição do Mondego Agrícola 2017 Feira das Culturas, nos campos agrícolas junto a Montemor-o-Velho no coração do Vale do Mondego.

Trata-se de uma iniciativa promovida pela Escola Profissional Agrícola Afonso Duarte em colaboração com a Câmara Municipal, Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro e Cooperativa Agrícola de Montemor-o-Velho. Este evento teve por objetivo congregar as principais entidades que colaboram com o setor agrícola na Região Centro, muito em especial no Vale do Mondego. Não só permitiu um intercâmbio de conhecimentos e tecnologias entre técnicos, fornecedores e agricultores, como mediou contactos e negócios.

Os visitantes tiveram oportunidade de visitar os diversos expositores, bem como assistir a duas palestras, cujos temas abordados foram “Herbicidas vs Fenómeno da Resistência” e “Comercialização dos Cereais/Evolução do Preço”. Houve, ainda, várias demonstrações com máquinas agrícolas, sendo que os agricultores e técnicos tiveram a oportunidade de observar detalhadamente e experimentar máquinas e equipamentos agrícolas, nomeadamente, ceifeiras, tratores e alfaias, pautando sempre por um certame 100% profissional. Nesta Feira das Culturas, estiveram representadas as principais entidades locais, no que respeita a empresas do setor das sementes, produtos fitofarmacêuticos, fertilizantes e equipamentos agrícolas.

Este evento decorreu com sucesso, tendo uma participação considerável face ao esperado. Como tal, a organização, depois de ouvir as opiniões de vários agricultores, técnicos e representantes de diversas entidades e empresas, considera pertinente realizar o evento numa periodicidade de dois anos, sendo já o próximo em 2019. O Mondego Agrícola 2017 Feira das Culturas, foi a primeira feira agrícola na região centro que privilegia o caráter técnico e profissional da agricultura, permitindo promover as potencialidades do Baixo Mondego, com especial ênfase nas culturas do milho, arroz e hortícolas.

 

Comente este artigo
Anterior Câmara de Proença-a-Nova contabiliza 4,2 milhões de euros de prejuízos devido ao incêndio
Próximo Los agricultores reciben 5.263 millones del Feaga hasta el 31 de agosto, el 93,12% de lo pagado en el ejercicio anterior

Artigos relacionados

Comunicados

Animais Apresentados leilão 24/2017

[Fonte: AJASUL]

Nº Total de Animais: 325 Leilão Nº 24/2017 – Bolsa de Gado Bovino de Évora Data Leilão: 18-07-2017

Lote

Raça
Sexo
Idade
Apresentante
Licitação

001
7
X Carne
M
9 M
AJASUL
2,35

002
7
X Carne
M
8 M
AJASUL
2,30

003
7
X Carne
M
9 M
AJASUL
2,20

004
4
X Carne
M
7 M
AJASUL
2,40

004A
1
X Carne
F
21 M
Senhora da Vila -Inves Agri, […]

Comunicados

Press release – North Sea cod fisheries: MEPs end time-at-sea limits

North Sea cod fishermen will be able to land every catch – not just cod – more easily following Parliament’s green light on Tuesday. The updated regulation will remove limits on the number of days a vessel can spend in a fishing area and thus remove all obstacles to complying with the landing obligation in full. […]

Comunicados

ACOS congratula-se com classificação do Campo Branco a Reserva da Biosfera e alerta para as alterações climáticas como ameaça a este ecossistema

A ACOS – Associação de Agricultores do Sul congratula-se com a classificação do concelho de Castro Verde como Reserva da Biosfera da UNESCO e felicita os subscritores da candidatura, a Associação de Agricultores do Campo Branco, o Município de Castro Verde e a Liga para a Proteção da Natureza. […]