15º Congresso da Água: Para uma política da água em Portugal – o contributo da APRH – 22 a 26 de março

15º Congresso da Água: Para uma política da água em Portugal – o contributo da APRH – 22 a 26 de março

O 15.º Congresso da Água vai realizar-se online, de 22 a 26 de março de 2021 e é dedicado ao tema “Para uma política da água em Portugal – o contributo da APRH”.

No início de mais uma década deste século e deste milénio, somos confrontados com desafios cada vez mais difíceis de prever pelo que é imprescindível adotar novas atitudes e abordagens. Num contexto de incertezas há que agir de forma a minimizar e prevenir riscos, adotando os mais adequados planos de contingência.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estão longe de ser cumpridos de forma equitativa e internacional, já que as crises humanitárias deixam antever um cenário em que ‘Não deixar ninguém para trás’ não será facilmente exequível. Os esforços feitos pelos Estados são louváveis e os resultados obtidos indicam que se pode e deve fazer mais, de forma a aproximar-nos das metas dos ODS acordadas.

Em Portugal as políticas ambientais necessitam ainda de reforço na resolução dos problemas de gestão da água. Necessitamos de contribuir e criar, de forma colaborativa, uma espinha dorsal para a política da água que seja sustentada numa visão de longo prazo.

As políticas para a água devem ser estrategicamente pensadas e articuladas com as outras políticas públicas do ordenamento e planeamento territorial, da saúde, da agricultura, do turismo e da conservação da natureza, citando as mais pertinentes. Mas nessa articulação não deve perder-se a especificidade da água e a sua importância crítica para a salvaguarda futura e usos sustentáveis, de um bem que é insubstituível.

O Congresso da Água 2021, organizado em torno deste tema fundamental, procura assim contribuir positivamente para uma melhor definição pelo Governo da política da água em Portugal, num processo inclusivo e visando soluções de governança que garantam uma partilha equitativa dos benefícios decorrentes dos diferentes usos da água.

Após o adiamento da realização do 15º Congresso da Água devido à situação pandémica que o país atravessa, anuncia-se agora a data definitiva para realização do evento mais importante da APRH: 22 a 26 de março de 2021.

Dadas as circunstâncias, foi decidido realizar este 15º Congresso totalmente ONLINE.

Apesar de termos já um elevado numero de Comunicações inscritas, decidimos reabrir a possibilidade de submissão de Resumos até ao dia 15 de fevereiro de 2021. A aceitação destes será comunicada até ao final de fevereiro.

Decidimos igualmente estender a possibilidade de submissão de artigos completos para publicação na revista Recursos Hídricos, os quais deverão ser enviados até ao dia 1 de março de 2021. A aceitação destes artigos será objeto de avaliação e peer-review pelo Corpo Editorial da RH e comunicada num prazo util )

No início de fevereiro será divulgado o Boletim 3 com novas informações, incluindo os preços de inscrição atualizados para as novas condições de realização do Congresso, assim como para expositores e entidades apoiantes no 15ª Congresso.

→ Inscrição ←

→ Programa ←

Comente este artigo
Anterior Webinar: Sustainable solutions to protect crops - 9 a 11 de março
Próximo 25 recommendations for a greener European agricultural policy

Artigos relacionados

Sugeridas

Agricultores do Baixo Mondego exigem ser ressarcidos por prejuízos das cheias

A Associação Distrital dos Agricultores de Coimbra (ADACO) defendeu hoje que o Governo deve ressarcir os agricultores do Baixo Mondego dos danos nos campos provocados pelas cheias de […]

Nacional

Silves acolhe curso de iniciação à prova de vinhos

Imprimir
Por • 23 de Fevereiro de 2017 – 12:32

Quem quiser dar os primeiros passos no mundo da prova de vinhos poderá […]

Atividades do setor

Live-stream – As Florestas e a crise que vivemos: um olhar para além da pandemia

A Floresta tem estado longe do olhar da sociedade ao longo dos últimos 2 meses. Mas a crise que hoje vivemos, e cujos efeitos tenderão a prolongar-se […]