Vendas de Vinho Madeira caem 2,9% em 2019

A Direcção Regional de Estatística da Madeira informa que, segundo os dados fornecidos pelo IVBAM – Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira, em 2019, a comercialização de vinho generoso “Madeira” rondou os 3,2 milhões de litros, gerando 18,7 milhões de euros de receitas de primeira venda. Face a 2018, observaram-se decréscimos de 6,0% e 2,9% na quantidade e em valor, respectivamente.

Em 2019, o mercado nacional apresentou uma evolução negativa nas quantidade de -1,0%, mas em valor verificou-se um aumento de +1,5%, impulsionado pelas vendas feitas para o continente (+41,8%, em quantidade) que ultrapassaram 1,0 milhões de euros, +38,6% que no ano precedente, enquanto as efectuadas na Região, apresentaram decréscimos de 7,5% e de 5,6% em quantidade e valor, respectivamente.

Mercado extra-comunitário

Por sua vez, o mercado extra-comunitário registou uma redução nas quantidades vendidas (-2,0%); quanto ao valor, registou-se um aumento (+1,7%). No que diz respeito ao mercado comunitário, tanto as quantidades vendidas como as receitas de primeira venda recuaram (-9,1% e -8,7% respectivamente).

Desagregando por país, no mercado comunitário a França continua a ser o principal mercado, apesar de se observarem quebras de 16,8% nas quantidades e de 22,1% no valor. Em contraponto, há a assinalar os aumentos verificados no mercado alemão, que registou crescimentos tanto nas quantidades (+24,1%) como em valor (+22,0%), bem como no mercado inglês com aumentos no volume vendido (+18,2%) e na receita gerada (+11,4%).

No mercado extra-comunitário, destaque para o comportamento das quantidades vendidas para a China, com um crescimento de 25,2%, embora em valor tenha registado uma quebra de 12,8%. Os Estados Unidos, principal mercado extra-UE de vinho “Madeira”, reduziu as importações deste produto, em volume (-3,1%), mas aumentou em valor (+17,8%). Contrariamente, as exportações para Canadá, Suíça e Japão evidenciaram variações negativas face a 2018, em quantidade e valor.

Do total comercializado, 74,3% correspondeu a vinho engarrafado, vendido em média a 7,02 euros/litro (6,68 euros/litro em 2018). O restante vinho foi vendido a granel a um preço médio de 2,67 euros/litro (mais 0,04 euros/litro que em 2018).

No que respeita ao 4.º trimestre de 2019, a comercialização de vinho generoso “Madeira” registou uma variação homóloga nula nas quantidades e de +11,3% no valor.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Ministério da Agricultura assinala Ano Internacional da Sanidade Vegetal
Próximo Região do Tejo aumenta em 71,8% a certificação dos seus vinhos

Artigos relacionados

Últimas

Projeto europeu recupera práticas tradicionais de pastoreio para prevenir fogos

Na zona transmontana do Romeu, em Mirandela, está em curso uma das oito experiências do projeto apresentada hoje à comunicação social e que envolve ovinos da Raça Churra Galega Bragançana, […]

Nacional

Augusto Santos Silva. Europa tem de envolver os cidadãos na transição energética

O ministro dos Negócios Estrangeiros avisa que a Europa não pode fazer as necessárias transições digital, energética e ambiental sem envolver os cidadãos. […]

Nacional

Entrevista na íntegra a Capoulas Santos, Ministro da Agricultura

Capoulas Santos foi o entrevistado na Conversa Capital, do Negócios e Antena 1.

→ Veja aqui a entrevista ←
O artigo foi publicado originalmente em Jornal de Negócios. […]