Unileite penaliza excesso de produção

Unileite penaliza excesso de produção

[Fonte: Vida Rural]

A Unileite vai baixar o preço do leite pago à produção em 1 cêntimo por litro, de acordo com decisão aprovada em Assembleia Geral. De acordo com a Antena 1 Açores, o Presidente da Unileite, Pedro Tavares, justifica a decisão com os resultados negativos da companhia, referindo que não há outra alternativa.

A associação diz ainda que ficou decidido que haverá limites à produção de leite a partir de maio e durante quatro meses, com penalizações de 6 cêntimos por litro de leite para os produtores que excederem a produção.

Recentemente, também a Unicol, na ilha Terceira, tinha imposto limites de produção, com base nos valores de 2018. Jorge Rita, Presidente da Associação Agrícola de São Miguel e da Cooperativa União Agrícola, diz em declarações à Antena 1 Açores que esta é uma má notícia para o sector e que vai trazer consequências “muito negativas”.

Já o Secretário Regional da Agricultura dos Açores, João Ponte, assume que esta é uma decisão que penaliza o rendimento de produtores de leite da ilha Terceira. “Muitos deles [produtores] realizaram projetos de investimento para aumento da produção”, sendo agora confrontados com a decisão da Unicol – União das Cooperativas de Lacticínios Terceirense, afirmou João Ponte.

De acordo com o Diário dos Açores, cerca de 300 produtores, cerca de 50% do total da ilha Terceira, já foram confrontados com multas pela Unicol por terem excedido os limites de produção, o que representa, segundo o Presidente da Associação Agrícola da Ilha Terceira, José António Azevedo, menos 240 mil euros no pagamento do preço do leite.

Comente este artigo

O artigo Unileite penaliza excesso de produção foi publicado originalmente em Vida Rural.

Anterior Vinhos portugueses têm de crescer preço médio no mercado canadiano
Próximo Passeio Pedestre das Fontes por terras do Rosmaninhal

Artigos relacionados

Nacional

Patrões unem-se contra envio para o Fisco de dados das empresas

[Fonte: Expresso]

Quatro confederações patronais uniram-se contra as mudanças nas regras do envio do ficheiro contabilístico SAF-T para a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) – […]

Últimas

Previsões INE: tomate para indústria regista produtividade de 95 toneladas por hectare

[Fonte: Agricultura e Mar]
As previsões agrícolas do Instituto Nacional de Estatística (INE), em 30 de Setembro, […]

Nacional

Feira Açores valoriza setor primário

[Fonte: Gazeta Rural]

A Feira Açores que hoje arrancou na ilha do Faial é, […]