“Temos de colocar a agricultura no centro das nossas preocupações”

“Temos de colocar a agricultura no centro das nossas preocupações”

António Costa lembrou que os passos mais significativos ocorridos no setor da agricultura se deveram ao fctor da inovação.

O primeiro-ministro defendeu, esta sexta-feira, que a agricultura é dos principais eixos da recuperação do país pós-Covid-19. Durante a apresentação da agenda de inovação 2030 para o setor agrícola, António Costa sublinhou: “Temos de colocar a agricultura no centro das nossas preocupações”.

O chefe do Governo frisou também que a inovação é essencial para o desenvolvimento do setor. “É graças a essa inovação que, na última década, Portugal reduziu em cerca de 400 milhões de euros por ano o seu défice alimentar, que as nossas exportações no setor agroalimentar aumentaram cerca de 5% ao ano e que, em 2019, estas exportações representaram 11% da totalidade da exportação de bens no nosso país”.

Para continuar a melhorar estes números, para António Costa, a inovação tem, assim, de permanecer “no centro do processo agrícola”. Defendeu o primeiro-ministro que a agricultura é tudo menos “uma atividade do passado”, recordando a importância das tecnologias na evolução e desenvolvimento do setor.

Costa vincou ainda que a agricultura e o ambiente “devem ser aliados”, frisando a essencialidade da agricultura no combate às alterações climáticas. “Somos dos países da União Europeia que mais risco corre com as alterações climáticas, nomeadamente, da escassez de água à erosão da costa, dos riscos de incêndios aos riscos da imprevisibilidade do tempo”, apontou.

A estratégia de inovação para a agricultura na próxima década, está a ser apresentada esta sexta-feira. O evento, no Cartaxo, vai também contar com uma intervenção da ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes.

Continue a ler este artigo no Notícias ao Minuto.

Comente este artigo
Anterior António Costa: Inovação tem sido fundamental na agricultura em Portugal
Próximo Associação de Jovens Agricultores defende mais apoios para o setor

Artigos relacionados

Últimas

Chuva abundante continuará no Norte e Centro!

Chuva abundante no Norte e Centro deverá acabar com a seca nessas regiões em apenas 2 semanas!
Ao longo dos próximos 15 dias teremos  chuva abundante no Norte e Centro. […]

Sugeridas

Anpromis: Conclusões do XI Congresso Nacional do Milho 2017

O XI Congresso Nacional do Milho, realizado a 7 e 8 de Fevereiro, em Lisboa, reuniu mais de 500 participantes e cerca de 30 oradores nacionais e estrangeiros num debate sobre temas de grande actualidade, […]

Nacional

Produção de Plantas em Viveiro. Ação de sensibilização sobre Xylella fastidiosa

A Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro (DRAPCentro) e a Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), levam a efeito, […]