Joaquim Pedro Torres Responsável da Valinvest defende mais investimento no regadio

Responsável da Valinvest defende mais investimento no regadio

No âmbito dos Agromeetings, a consultora agrícola Espaço Visual, organizou uma conferência online com Joaquim Pedro Torres, administrador da Valinvest e da Agroglobal, com moderação de José Martino, CEO da Espaço Visual, onde se debateu “O sucesso na produção agrícola e na AgroGlobal”.

Nesta conferência, Joaquim Pedro Torres, afirmou que esta crise sanitária não tem provocado “grandes alterações na capacidade de produzir”, mas “a relação entre oferta e procura vai-se alterar.”

Para o administrador da Valinvest e AgroGlobal, “uma crise desta dimensão vai chegar a todo o lado, não há produtos que possam ficar ao lado disto. O mundo vai sair disto mais pobre, com menos capacidade de consumo. E daí espero uma redução de preços.”

Apesar deste pessimismo, Joaquim Pedro Torres espera que desta crise saia algo positivo: “era preciso recentrar as questões agrícolas relativamente às questões ambientais. Há um exagero no escrutínio do que se faz em relação à atividade agrícola relativamente ao que se faz em outras atividades, em que o saldo ambiental é mais negativo e aqui que produzem não é tão positivo como aquilo que se produz na atividade agrícola.”

O responsável agrícola da Valinvest espera que a nova PAC possa continuar a afirmar a agricultura europeia como aquela em que os consumidores depositem mais confiança, em termos de sustentabilidade ambiental.

Para o futuro, Joaquim Pedro Torres espera políticas agrícolas que invistam em novas barragens que permitam mais água ao dispor da agricultura para a rega – “temos de multiplicar o exemplo do Alqueva” -; mais desburocratização dos processos; mais investimento nas regiões do Interior.

Este formato online das Agromeetings, que tem atingido recordes de visualização, permite ultrapssar os condicionalismos criados pela pandemia. “Todos os que pretendem participar nas nossas conferências podem continuar a fazê-lo via Internet e pelas plataformas digitais disponibilizadas pela Espaço Visual”, informou o CEO da empresa José Martino.

O artigo foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Comente este artigo
Anterior Medidas de proteção pecuária associadas à "situação de calamidade"
Próximo Webinar “Pensar o Pós-Covid” no dia 22 de Maio

Artigos relacionados

Sugeridas

Três milhões para projeto agrícola em Pêro Viseu

Um projeto para cultivo de canábis medicinal está previsto para a freguesia de Pêro Viseu. Tem capitais franceses e suíços e já foi declarado projeto de […]

Últimas

Oportunidade de negócio: Empresa húngara procura produtores de azeite, sementes, frutos secos e leite

Uma empresa húngara, retalhista de produtos alimentares e processos industriais alimentares, está à procura produtores ou distribuidores de margarina, levedura, produtos de soja, […]

Internacional

Los países del sur de Europa hacen un frente común para que se reconozca su peso en la PAC

[Fonte: Agro Informacion]
Los países del sur de Europa, que se han reunido en Santarém (Portugal), en la segunda ronda de contactos entre organizaciones agrarias de países mediterráneos con vistas a la futura reforma de la PAC 2020, […]