Samuel Salgado ganha prémio de melhor revendedor Kubota 2019

Samuel Salgado ganha prémio de melhor revendedor Kubota 2019

A Samuel Salgado, uma empresa jovem com o seu início em 2010 é hoje uma forte referência no sector agrícola nacional. Prova disso foram os prémios recebidos na passada segunda-feira, na Ericeira, onde a Samuel Salgado recebeu o prémio de melhor revendedor Tractores Ibéricos e melhor revender da serie M.

Na Samuel Salgado existem vários lemas que a ajudam a ser mais profissionais e a acompanhar o agricultor de forma a que este possa obter mais eficácia e rendimento na sua exploração agrícola e define-se sobretudo por ser uma empresa jovem, dinâmica e com grande experiência, quer pela mão e know-how do seu gerente quer pelas contratações que efetua. A Samuel Salgado considera os clientes os seus melhores amigos, o que faz com que a responsabilidade seja muito elevada, pois o sucesso deste é o sucesso da Samuel Salgado.

Nos dias de hoje, a Samuel Salgado trabalha na área do regadio, mas também acompanha o olival, o amendoal e os frutos secos, e paralelamente, os cereais, o milho e a vinha, realizando um conjunto de serviços, tais como análises de solo ou água.

kubota
Comente este artigo
Anterior Navigator apresenta marca de papel Discovery mais ecológica e eficiente
Próximo ADP Fertilizantes lança Nutrifluid IMPULSE: fertilizantes líquidos de elevada eficácia para a fertirrigação

Artigos relacionados

Nacional

Economia circular vai ser implementada na produção de vinho da Adega de Palmela

O projeto europeu REDwine vai implementar um novo modelo de negócio de economia circular nas produções de vinho da Adega de Palmela, até 2025. O modelo quer produzir […]

Blogs

As áreas de floresta cortadas estão realmente a aumentar na Europa?

Grupo de Cientistas Europeus, que conta com Margarida Tomé (ISA, ULisboa), questiona resultados publicados. Margarida Tomé […]

Internacional

Inundações destroem mais de 54.000 hectares agrícolas no sul de Moçambique

Mais de 54 mil hectares de diversas culturas foram destruídos na atual época chuvosa, desde outubro, na província de Gaza, sul de Moçambique, devido a inundações, anunciaram hoje as autoridades. […]