“Podem desenhar-se formações em matéria de alterações climáticas”

“Podem desenhar-se formações em matéria de alterações climáticas”

Nuno Canada, presidente do INIAV

Em relação ao estudo das alterações climáticas, o que faz sentido é que os trabalhos sejam realizados em parceria com as associações e é a elas que os agricultores devem dirigir-se para que em parceria com o INIAV e as universidades possam desenhar-se formações à medida desta ou daquela cultura específica.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior “A Ovibeja consegue aliar o mundo rural às novas tecnologias”
Próximo “O agrónomo digital vai colmatar a ausência de técnicos habilitados no terreno”

Artigos relacionados

Nacional

Ministros da Agricultura da UE prepararam início do trio de presidências

Os ministros da Agricultura da União Europeia fizeram hoje um balanço do primeiro semestre e discutiram as prioridades para a nova presidência […]

Últimas

Covid-19 ameaça cereais e comida para porcos. Setor do vinho pode sair arrasado

Grupo de trabalho criado pelo Governo avaliou os riscos da pandemia para a agricultura portuguesa. Muitas empresas de vários setores têm a […]

Últimas

Live-stream: Tecnologia na Agricultura: Sustentabilidade na produção agrícola

O PACT realiza o Debate TECNOLOGIA NA AGRICULTURA: SUSTENTABILIDADE NA PRODUÇÃO AGRÍCOLA, no âmbito do projeto #INNOACE ❗ […]