“Podem desenhar-se formações em matéria de alterações climáticas”

“Podem desenhar-se formações em matéria de alterações climáticas”

[Fonte: Voz do Campo]

Nuno Canada, presidente do INIAV

Em relação ao estudo das alterações climáticas, o que faz sentido é que os trabalhos sejam realizados em parceria com as associações e é a elas que os agricultores devem dirigir-se para que em parceria com o INIAV e as universidades possam desenhar-se formações à medida desta ou daquela cultura específica.

Comente este artigo

O artigo “Podem desenhar-se formações em matéria de alterações climáticas” foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior “A Ovibeja consegue aliar o mundo rural às novas tecnologias”
Próximo “O agrónomo digital vai colmatar a ausência de técnicos habilitados no terreno”

Artigos relacionados

Últimas

Quase dois mil hectares perdidos em Penela


O incêndio que atingiu vários concelhos da região Centro na semana passada queimou cerca de 1.800 hectares de floresta no município de Penela, […]

Ofertas

Oferta de emprego- Trabalhador Agrícola (M/F) – Figueira da Foz

A BERRY.PT tem 2 vagas disponíveis no âmbito de Estágio Profissional – IEFP.

Últimas

Douro indignado com mais área de vinha

[Expresso] Lavoura e comércio insurgem-se contra a decisão do Governo de aumentar a mancha de plantação. São só 150 hectares, mas é um sinal “de desprezo e desrespeito” pela região. […]